Publicidade
Atlético x Ceará

ATUAÇÕES: Santos e Carleto foram os melhores do Atlético

ATUAÇÕES: Santos e Carleto foram os melhores do Atlético

O Atlético Paranaense empatou em 0 a 0 com o Ceará, nessa quarta-feira (dia 28) à noite, na Arena da Baixada, pela terceira fase da Copa do Brasil. Veja abaixo uma análise do desempenho individual dos jogadores.

Santos (7,0)
Fez quatro boas defesas – nenhum de alto grau de dificuldade. Mal na reposição.

Wanderson (6,0)
Seguro nos lances de contra-ataques. Razoável na bola aérea.

Pavez (6,0)
Seguro como zagueiro e como volante. Com a bola, simplificou.

Thiago Heleno (4,0)
Expulso por um carrinho perigoso. Antes, fez dois bons desarmes.

Jonathan (6,5)
Bem no apoio. Criou três boas jogadas ofensivas. Razoável na marcação.

Rossetto (5,5)
Errou alguns lances fáceis, mas estava sobrecarregado.

Raphael Veiga (5,5)
Um bom chute a gol. Fora isso, irregular com e sem a bola.

Zé Ivaldo (6,0)
Entrou aos 18-2º. Seguro na marcação e na saída de bola.

Carleto (7,0)
Três chutes perigosos. Salvou um gol certo. Bem no apoio.

Guilherme (5,5)
Participou de duas boas jogadas, mas cometeu errinhos.

Pablo (sem nota)
Entrou aos 37-2º. Um cabeceio perigoso. Pouco tempo em campo.

Nikão (6,5)
Criou duas chances de gol. Correu e lutou nos 90 minutos.

Bergson (5,0)
Não conseguiu se encontrar no jogo. Participou pouco.

Gedoz (5,5)
Entrou aos 28-2º. Tentou sete passes e acertou seis. Fora isso, nada.

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES