Publicidade
Luto

Autor de gol da Argentina na final da Copa de 1986, Brown morre aos 62 anos

Brown na Copa de 1986
Brown na Copa de 1986 (Foto: Reprodução)

Autor de um dos gols da Argentina na final da Copa do Mundo do México, em 1986, José Luis "Tata" Brown morreu nesta segunda-feira aos 62 anos, em Buenos Aires. O anúncio foi feito pela direção do Estudiantes de La Plata, clube no qual o ex-zagueiro é apontado como uma de suas figuras lendárias.

O gol de Brown na final do Mundial, diante da Alemanha, foi marcado de cabeça, aos 23 minutos do primeiro tempo. Valdano e Burruchaga fizeram os demais gols argentinos na vitória por 3 a 2. Rummenigge e Voller marcaram os gols alemães.

Brown atuou ao lado de Diego Armando Maradona, o maior jogador daquele Mundial. A seleção era dirigida pelo técnico Carlos Bilardo. Ele atuou em 36 jogos pela seleção.

Pelo Estudiantes, "Tata" jogou 290 partidas de 1975 a 1983 e foi campeão duas vezes (1982 e 1983). Atuou por outros times como Deportivo Español e Boca Juniors. Foi jogar no exterior, no Stade Brestois, Atlético Nacional, de Medellín (Colômbia), Real Murcia (Espanha) e retornou à Argentina para se despedir como jogador pelo Racing em 1989 e 1990.

"É um dia de máxima tristeza para a família branca e vermelha. Nos deixou nosso gladiador José Luis Brown. Sua memória e seu amor pelo clube seguirão eternamente", escreveu o Estudiantes em suas redes sociais. Brown havia sido diagnosticado com Mal de Alzheimer no início do ano.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES