Publicidade
Exterior

Avião faz pouso de emergência na Sibéria e 282 pessoas ficam retidas em hotel

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um avião da Air France com 282 passageiros, que ia de Paris, na França, a Xangai, na China, fez um pouso de emergência neste domingo (11) em Irkutsk, na Sibéria, na Rússia.

Os passageiros saíram do Boeing-777, que fazia o voo AF116, depois que a tripulação sentiu cheiro de fumaça na cabine. O pouso no aeroporto russo ocorreu às 15h10 (5h10 em Brasília). Ninguém ficou ferido.

A tripulação informou que um técnico faria a vistoria na aeronave e que a viagem seria retomada em duas horas. Trinta minutos depois da mensagem, porém, o comandante pediu que os passageiros deixassem o avião.

No aeroporto de Irkutsk, autoridades russas recolheram o passaporte das pessoas, que ficaram apenas com cópias de seus documentos. 

Os passageiros foram encaminhados de ônibus para um hotel no centro da cidade, do qual não podem sair por não terem visto russo. O grupo foi escoltado pela polícia, que também cerca o local onde estão hospedados.

Técnicos da Air France chegariam de Paris para que a viagem prosseguisse às 8h de segunda-feira (12, 22h de domingo em Brasília). Pela manhã, porém, os passageiros foram avisados que não viajariam na hora estipulada.

A previsão era a de que a viagem continuasse na madrugada de terça (13). A maioria é de origem chinesa e francesa. Há uma brasileira entre eles, a jornalista da Folha de S.Paulo Paula Soprana, que viaja a um evento em Xangai.

DESTAQUES DOS EDITORES