Publicidade
Escapou por pouco

Brasileira é atacada por tubarão no Havaí e amigos fazem 'vaquinha'

Campanha tenta arrecadar US$ 50 mil para pagar cirurgias e ajudar Marjorie Mariano a se manter enquanto não puder trabalhar
Brasileira é atacada por tubarão no Havaí e amigos fazem 'vaquinha'

Uma brasileira que há anos mora no Havaí acabou tomando um baita susto no último dia de 2017, quando surfava em uma praia no Havaí. Marjorie Mariano, de 54 anos, foi mordita na perna por um tubarão em Laniakea, na costa norte, por volta das 18 horas do dia 31 de dezembro.

Ela já passou por uma cirurgia e deverá ter de encarar mais um procedimento, mas os médicos acreditam na recuperação completa da brasileira, que conseguiu chegar à praia e escapar do animais de três metros com a ajuda de outros surfistas. A prancha que ela usava, como se pode ver na imagem acima, também ficou com marcas dos dentes do animal.

Ontem (02 de janeiro) foi criado uma página na internet com objetivo de arrecadar US$ 50 mil para pagar as cirurgias de Mariano e suas despesas no período em que não puder trabalhar. Em um dia já foram arrecadados mais de 12 mil dólares, valor doado por 210 pessoas.

Publicidade