Publicidade
Ajuda

Cadastro online nos Armazéns da Família terá novidade a partir de 1º de junho

(Foto: Luiz Costa/SMCS)

A partir de 1º de junho, associações de moradores, igrejas e entidades assistenciais vão auxiliar a população no cadastramento on-line para compras nos Armazéns da Família. A Prefeitura está treinando funcionários de 25 instituições da capital para ajudar no processo. A lista com as primeiras parceiras será divulgada na próxima semana.

“Atendemos uma parcela da população carente e muitos têm dificuldade no uso da internet. Por isso, procuramos entidades próximas dessas comunidades para serem ponto de apoio às novas famílias que desejam comprar alimentos e itens de higiene e limpeza nos Armazéns da Família”, explica Luiz Gusi, secretário municipal de Agricultura e Abastecimento.

A expectativa é que, nos próximos meses, cerca de 70 entidades se credenciem para fazer a inscrição no programa da Prefeitura. Atualmente, o cadastro nos Armazém da Família pode se feito on-line de casa e nos núcleos da Smab nas Ruas da Cidadania.

Também a partir do dia 1º de junho, a inscrição feita nos espaços da Prefeitura passará a ser por auto-atendimento. O cidadão irá preencher o cadastro e fazer o download dos documentos obrigatórios em um terminal de computador com scanner. Caso a pessoa tenha alguma dificuldade, um funcionário do núcleo irá auxiliar no preenchimento.

O prazo de validade do cadastro é de um ano (a renovação é pedida automaticamente via internet) e, por conta das novidades que estão sendo implantadas, todos os cadastros ativos serão renovados por um ano em junho.

O programa Armazém da Família beneficia 250 mil famílias de Curitiba com renda familiar de até cinco salários mínimos e as compras podem ser feitas em qualquer uma das 33 unidades. Instaladas em pontos estratégicos da periferia de Curitiba, nos bairros e terminais de ônibus, as unidades do programa comercializam gêneros alimentícios e produtos de higiene e limpeza até 30% mais baratos que no varejo.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES