Publicidade
Gente de bem

Caminhada sensibiliza curitibanos sobre a situação de refugiados

(Foto: Divulgação)

Até 2017, segundo dados do Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE), o Brasil havia reconhecido um total de 10.145 refugiados de diversas nacionalidades, sendo o Paraná o terceiro estado que mais recebe pessoas em situação de refúgio (aproximadamente 10,8% do total). E para informar a população sobre a crise migratória e aumentar a empatia da população local para com os estrangeiros, o Instituto Aurora realizará no próximo sábado, às 9 horas, a “Caminhada sobre Refúgio”.

A passeata — que acontecerá de forma silenciosa, em respeito e empatia ao Dia Mundial do Refugiado, celebrado em 20 de junho — partirá do relógio da Praça Osório, no início da Rua XV de Novembro, até o Colégio Estadual Tiradentes. Durante o percurso, panfletos serão entregues e voluntários irão conversar com pessoas nas ruas, informando o objetivo da caminhada e contextualizando sobre a crise migratória. Já no ponto de chegada será feita a colagem de cartazes elaborados por Myria Tokmaji, designer gráfica síria que veio para o Brasil em 2012 em busca de refúgio.

Segundo a diretora-executiva do Instituto Aurora, Michele Bravos, o objetivo da ação é sensibilizar os curitibanos sobre a causa da migração, conscientizá-los e estimular o acolhimento dos refugiados que vivem em Curitiba. Dados da ACNUR, agência de refugiados da ONU, ressaltam a importância da iniciativa: em todo o mundo, 41% dos refugiados já passaram por algum tipo de discriminação, seja xenofobia, racismo ou LGBTfobia.

“Na tentativa de desconstruir preconceitos, entendemos que uma intervenção como essa poderia chamar a atenção da população sobre o tema e trazer sensibilização e esclarecimento”, explica Michele.

Os interessados em participar da caminhada devem se inscrever pelo link bit.ly/caminhada-participante. Os organizadores pedem para que os participantes vistam roupas pretas e levem uma mochila ou mala pequena, simbolizando o deslocamento forçado de refugiados. Mesmo quem não fizer a inscrição, porém, segue convidado a participar – a concentração acontece às 9 horas, próximo ao relógio da Praça Osório.

Serviço
Instituto Aurora
O que é: Instituição fundada no final de 2017, em Curitiba, e que tem como objetivo contribuir para a construção de uma sociedademais justa socialmente e livre depreconceitos. Para tanto, trabalha o desenvolvimento da empatia e da construção de diálogos como forma de garantir uma vida digna coletiva.
Como ajudar: O Instituto aceita doações financeiras e também busca voluntários. Para ajudar, acesse o site e, no menu superior, clique em “Faça parte”. Além disso, o Instituto tmabém oferece oficinas e palestras para empresas, trabalhando temas como empatia e comunicação não violenta.
Caminhada sobre Refúgio: acontece no sábado (29 de junho), a partir das 9 horas. Para participar, inscreva-se pelo site bit.ly/caminhada-participante
Site: http://www.institutoaurora.org/

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES