Publicidade
Bilheteria

Campeonato Paranaense é um fracasso de público

O Campeonato Paranaense 2015 de futebol é um fracasso de público. Entre as principais competições do país na temporada, tem a pior média de público nos estádios, com 2.862 pagantes por jogo. Fica atrás do Paulistão 2015 (com 7.116 pagantes), da Copa Nordeste (6.571), Carioca (4.397), Mineiro (4.009), Gaúcho (3.874), Catarinense (3.375), Copa Verde (3.221) e Copa do Brasil (3.034).

O Paranaense 2015 só supera competições fracas, como o Campeonato Baiano, que tem suas principais equipes priorizando a Copa Nordeste. O Estadual da Bahia tem média de 2.413 pagantes por jogo.

Em 2014, o Paranaense teve média melhor, com 3.181 pagantes.

Em termos financeiros, o Paranaense significa prejuízo para os três maiores clubes de Curitiba (Atlético, Coritiba e Paraná) e para um do Interior (o Nacional, de Rolândia). O Coxa tem prejuízo médio de R$ 64 mil por jogo – considerando apenas o gasto para realizar a partida divulgados no borderô (como segurança, limpeza, impostos e arbitragem, por exemplo). O clube alviverde teve um prejuízo acumulado de R$ 450 mil com os jogos do Paranaense.

Os dados constam nos borderôs dos jogos. O documento, que é entregue à Federação Paranaense de Futebol (FPF), traz o valor arrecadado com a venda de ingressos e as despesas com a realização do jogo. No borderô, os sócios são considerados como pagantes, no entanto, não acrescentam valor na renda líquida. No documento, eles constam como se tivessem pago R$ 10 cada. Essa operação é feita para que ocorra o pagamento de impostos e taxas proporcionais ao público presente. Depois, no lucro líquido, esse valor é desconsiderado. Isso porque os sócios não pagam ingressos.

O Atlético teve um prejuízo médio de R$ 44 mil por jogo e o Paraná, de R$ 3 mil por partida. Os três clubes que mais lucraram com bilheteria, em média, foram o Cascavel (R$ 38 mil por jogo), Operário (R$ 32 mil) e o Maringá (R$ 29 mil).

No geral, a média de renda líquida dos clubes no Campeonato Paranaense 2015 é de R$ 1.300 por jogo.

AS MÉDIAS DE PÚBLICO

Das principais competições no Brasil em 2015

Paulista

7116

Copa Nordeste

6571

Carioca

4397

Mineiro

4009

Gaúcho

3874

Catarinense

3375

Copa Verde

3221

Copa do Brasil

3034

Paranaense

2862

Fonte: Srgoool.com.br

 

AS MÉDIAS DO PARANAENSE 2015

1 Atlético Paranaense

7384

2 Coritiba

6768

3 Londrina

4358

4 Maringá

3235

5 Cascavel

2754

6 Paraná

2428

7 Operário

2347

8 Foz do Iguaçu

1811

9 Rio Branco

924

10 Prudentópolis

757

11 J.Malucelli

579

12 Nacional

192

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES