Publicidade
Contabilidade Fácil

Carteira de Trabalho Digital

A carteira de trabalho é o documento hábil para o trabalhador ingressar formalmente nas empresas. O documento físico era solicitado ao Ministério do Trabalho por meio de representantes legais instalados em todos os Municípios. Com a facilidade dos meios digitais foi implantada a Carteira de Trabalho Digital.

Para os Empregados que possuem o modelo físico orienta-se que devam manter a carteira, principalmente para aqueles que tiveram contratos de trabalhos assinados nos anos setenta ou oitenta. Mas é muito provável que os contratos já estejam todos na carteira de trabalho digital.

Além das anotações do registro do empregado na empresa, constarão anotações de férias, aumentos de salários, movimentações de cargos, etc, possibilitando ao trabalhador acompanhar de forma online os acordos celebrados entre a empresa e ele.

Outra vantagem da carteira digital é o número, que passa a ser o seu número do CPF, bastando ao trabalhador informar à empresa contratante seu CPF e, esta empresa, já poderá fazer todas as movimentações necessárias para a sua contratação.

Para a empresa fazer a contratação deverá enviar, para o e-social, as informações do trabalhador antes do início das atividades deste. No e-Social trata-se do evento S-2200 (Cadastramento inicial do vínculo e admissão de Trabalhador). Caso não possua todos os dados para a admissão deverá envia o evento S-2190 (Admissão preliminar), que possui informações simplificadas as quais deverão ser complementadas posteriormente, respeitando os dados previstos. O envio destas informações tem valor de assinatura de carteira.

Celso Oliveira é contabilista, professor da Estácio Curitiba

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES