Publicidade
Tempo

Chuva provoca estragos; água invade estacionamento de shopping no Portão

Chuva provoca estragos; água invade estacionamento de shopping no Portão

A chuva que começou no meio da tarde deste sábado, 3, e entrou pela madrugada deste domingo, 4, provocou estragos e alagamento vários pontos da cidade. No bairro Portão, a chuva invadiu o estacionamento do Shopping Palladium. A Linha Verde foi tomada pela água  do Hauer ao Pinheirinho.

Chuva provoca estragos; água invade estacionamento de shopping no Portão

Escolas e CMEIS afetados pelas chuvas terão funcionamento diferenciado

Chuva causa série de estragos e afeta 1.500 pessoas em Curitiba

Prefeitura de Curitiba vai distribuir 1,3 tonelada de alimentos para atingidos pela chuva

Manifestantes atingidos pela chuva fecham Contorno Sul por seis horas

De acordo com o boletim da Defesa Civil do município, a Central de Operação da Guarda Municipal atendeu 23 ocorrências, por toda a cidade até as 21 horas. As regionais com o maior número de ocorrência foram Tatuquara, CIC, Portão, Bairro Novo.

Na regional Tatuquara, três famílias tiveram as casas destelhadas e precisaram ser alojadas em moradias de parentes. Na regional CIC, foram registradas situações de alagamentos nas vilas Barigui, Luana, Sabará, Vila Verde e Itatiaia.

No Portão, na Unidade de Saúde Parolin, parte do telhado desabou. No bairro CIC, houve a queda do muro da Escola Municipal Professor Dario Veloso.

Na Regional Boa Vista, uma comunidade terapêutica para idosos alagou e os idosos foram remanejados pela Secretaria Municipal da Saúde. A Fundação de Ação Social foi acionada para encaminhar colchões e cobertores.

Por volta das 20h30, linhas de ônibus precisaram parar para aguardar baixar o nível da água. As linhas afetadas foram: 624-Vila São Pedro, 515-Iguape II, 560-Alferes Poli, 663-Vila Cubas, 506-Bairro Novo e 561-Guilhermina.

As equipes das administrações regionais estão mobilizadas nas ruas, atendendo as ocorrências e definindo se haverá a necessidade de preparar locais para receber as pessoas que possam vir a ficar desabrigadas. Os técnicos da Defesa Civil e Fundação de Ação Social estão atentos para garantir toda a assistência necessária às famílias.

Na esquina do posto Pelanda não dá para passar tem que voltar pela santa Bernadete. Há informaçõs de um desmoronamento de terra na Wenceslau Brás.

O Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar) informou que Curitiba registrou 42 milímetros de chuva. A média é de 123 milímetros para todo o mês de março. O volume de chuva registrado na cidade neste sábado quase foi o mesmo de todo o mês no ano passado, quando foram registrados 44 milímetros.

Conforme informações do Simepar, o temporal ocorre devido a uma tempestade que se formou no interior e avançou lentamente para Curitiba. A previsão é de também chova forte na região neste domingo (4).

 

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES