Publicidade
Mercado da Bola

Clubes do México podem levar mais um destaque do futebol paranaense

Felipe Gedoz está na mira do León, mas ainda não há oferta. Clube dos Emirados Árabes também teria interesse no atleticano

Referência técnica do time do Atlético-PR ao lado de Nikão, o meia-atacante Felipe Gedoz, de 24 anos, está na mira do León, do México, e de um clube dos Emirados Árabes Unidos. Quem afirma isso é o empresário do atleta, Marcelo Tejera, que por outro lado garante que ainda não chegaram propostas, mas apenas foram feitas sondagens.

Com contrato junto ao Furacão até janeiro de 2020, o jogador foi uma das principais contratações do clube para a temporada de 2017 e a dipusta da Copa Libertadores da América. Para tirá-lo do Club Brugge, da Bélgica, o time paranaense desembolsou 1,2 milhões de euros, cerca de R$ 6 milhões.

Artilheiro do time no ano, com oito gols marcados em 32 jogos, Gedoz é bem visto pela torcida, mas alternou altos baixos por conta de problemas físicos (inclusive relacionados à forma) e extracampo, sem conseguir se firmar como titular absoluto. 

Antes de Gedoz, outro destaque do futebol paranaense acabou entrando na mira do futebol mexicano. Foi o volante Alan Santos, que deixará o Coritiba no final do ano, ao final de seu contrato (o clube, portanto, não levará nada na negociação). O nome do clube que acertou com o jogador ainda não foi anunciado (o próprio Atlético-PR chegou a sondá-lo há alguns meses), mas é certo que o meio-campista jogará no México a partir de 2018.

Publicidade

Veja também