Publicidade
Grupo H

Com gol contra de curitibano, Polônia perde para Senegal

Com gol contra de curitibano, Polônia perde para Senegal
O zagueiro curitibano Thiago Cionek (Foto: Reprodução/TV Globo)

A Polônia estreou com derrota na Copa do Mundo de 2018. O time europeu perdeu por 2 a 1 para Senegal, nessa terça-feira (dia 19), pelo Grupo H. O primeiro gol da partida foi contra, do zagueiro Thiago Cionek, nascido em Curitiba e naturalizado polonês.

Cionek, 32 anos, começou no futebol amador de Curitiba, no Vila Hauer. Com 20 anos acabou contratado pelo Cuiabá (MT). Em 2008, seguiu para a Polônia, onde se destacou pelo Jagiellonia, entre 2008 e 2012. Acabou se naturalizando polonês. Desde 2013 atua no futebol italiano. Hoje está no SPAL, da primeira divisão. Atua pela seleção polonesa desde 2014. Soma 20 jogos pela Polônia e fez sua estreia em Copas do Mundo nessa terça-feira.

No início do ano, o Atlético Paranaense chegou a estudar a contratação de Cionek.

Niang fez o segundo gol para Senegal, em lance polêmico. O gol da Polônia aconteceu aos 41 minutos do segundo tempo, com Krychowiak. 

Foi a primeira vitória africana na Copa de 2018. Até então, as seleções do continente haviam perdido todos os seus quatro jogos: Egito 0 x 1 Uruguai, Marrocos 0 x 1 Irã, Nigéria 0 x 2 Croácia e Tunísia 1 x 2 Inglaterra.

Senegal atacou mais no primeiro tempo, mas criou pouco e só balançou as redes porque o chute torto de Gueye desviou em Cionek antes de entrar. Na segunda etapa, a Polônia melhorou e passou a pressionar, mas um recuo errado de Krychowiak para o goleiro Szczesny entregou de presente o segundo gol.

Com três pontos, Senegal volta a campo no próximo domingo, às 12h (de Brasília), em Ecaterimburgo. O adversário será o Japão, que também venceu na primeira rodada do grupo H: fez 2 a 1 na Colômbia. Já a Polônia encara os colombianos no mesmo dia, às 15h, em Kazan.

FICHA TÉCNICA
Polônia 1 x 2 Senegal

Polônia: Szczesny; Piszczek (Bereszynski), Cionek, Pazdan e Rybus; Blaszczykowski (Bednarek), Krychowiak, Zielinski e Grosicki; Milik (Kownacki) e Lewandowski. Técnico: Adam Nawalka
Senegal: Khadim N'Diaye; Wagué, Sané, Koulibaly e Sabaly; Sarr, Gueye, Alfred N'Diaye (Kouyaté) e Mané; Biram Diouf (N'Doye) e Niang (Konaté). Técnico: Aliou Cissé
Gols: Cionek (contra), aos 37 minutos do 1º tempo; Niang, aos 14, e Krychowiak, aos 41 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Krychowiak (Polônia); Sané e Gueye (Senegal)
Árbitro: Nawaf Shukralla (Bahrein)
Local: Spartak Stadium, em Moscou (Rússia)

DESTAQUES DOS EDITORES