Publicidade
Esporte

Com Willian no banco, Chelsea vence United e fatura a Copa da Inglaterra

Com Willian no banco, Chelsea vence United e fatura a Copa da Inglaterra
(Foto: Chelsea FC)

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Com um gol de Hazard, o Chelsea venceu o Manchester United por 1 a 0, neste sábado (19), e conquistou o título da Copa da Inglaterra. A decisão, em jogo único, como acontece tradicionalmente, foi realizada no estádio de Wembley, em Londres.

Foi o oitavo título conquistado pelo Chelsea na Copa da Inglaterra. A equipe é a terceira maior vencedora da competição, atrás do Arsenal (13) e do próprio Manchester United (12).

O único gol da partida foi marcado em uma cobrança de pênalti pelo próprio Hazard, aos 20 minutos. O jogador havia sido derrubado dentro da área por Phil Jones após jogada individual. 

Após o gol tomado, o Manchester United melhorou na partida. Sem criatividade, porém, não criou chances de gol.

No segundo tempo, a equipe buscou o empate e criou várias oportunidades, mas esbarrou no goleiro belga Courtois.  A mais difícil veio aos 17 minutos, quando Courtois mostrou reflexo e foi buscar a bola no canto esquerdo rente à trave após cabeçada de Jones.

Convocado para a Copa do Mundo, o meia-atacante brasileiro Willian ficou no banco de reservas. Ele só entrou nos acréscimos do segundo tempo no lugar de Hazard. 

ÁRBITRO DE VÍDEO

Esta foi a primeira final da história da Copa da Inglaterra que contou com o sistema de árbitro de vídeo.

O recurso foi utilizado aos 18 minutos do segundo tempo após Alexis Sánchez marcar em posição irregular após bela defesa de Courtois. O assistente já havia marcado o impedimento, e a posição foi confirmada pelo árbitro de vídeo logo na sequência.

O árbitro de vídeo foi utilizado outra vez durante a partida, quando Moses tentou driblar Ashley Young dentro da área, e a bola bateu no braço do lateral do United. Os jogadores do Chelsea pediram pênalti, o juiz Michael Oliver consultou o árbitro de vídeo, mas não marcou. 

DESTAQUES DOS EDITORES