Publicidade
Pets

Comissão da Assembleia discute proibição de comércio de animais de estimação

Projeto comércio físico ou digital de cães e gatos de estimação por petshops, clínicas veterinárias e estabelecimentos comerciais no Estado
Projeto comércio físico ou digital de cães e gatos de estimação por petshops, clínicas veterinárias e estabelecimentos comerciais no Estado (Foto: Agência Brasil/arquivo)

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa discute, na próxima terça-feira, projeto do deputado Luiz Fernando Guerra (PSL) que propõe a proibição do comércio físico ou digital de cães e gatos de estimação por petshops, clínicas veterinárias e estabelecimentos comerciais similares no Paraná. O texto trata ainda da obrigação de afixação de cartazes que facilitem e incentivem a adoção responsável de animais e determina a criação de Cadastros Municipais de Comércio de Animais (CMCA).

O objetivo da proposta, segundo seu autor, é coibir a produção em massa de animais, fazendo com que o acesso à compra de animais, para aqueles que não optarem pela adoção, somente seja possível através dos criadouros, devidamente cadastrados junto às secretarias municipais de Meio Ambiente, que deverão promover a fiscalização dos criadouros.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES