Publicidade
Série B

Coritiba e Figueirense colocam em jogo séries invictas

Jorginho comanda treino
Jorginho comanda treino (Foto: Divulgação/Coritiba)

O Coritiba enfrenta o Figueirense, nesta sexta-feira (dia 8) às 2130, no estádio Orlando Scarpelli, pela 34ª rodada da Série B. O time paranaense está em 4º lugar, com 53 pontos, e precisa da vitória para se manter dentro do G4. O Figueirense é o 17º colocado, com 34 pontos, dentro da zona de rebaixamento, e precisa vencer para seguir vivo na luta contra a queda para a Série C.

No duelo desta sexta, os dois colocam em jogo suas séries invictas dentro da competição. O Coritiba não perdeu nas últimas oito rodadas (quatro empates e quatro vitórias). O último resultado negativo foi contra o Paraná (2 a 0), na Vila Capanema, em 5 de outubro.

O Figueirense não foi derrotado nas últimas sete partidas na Série B, com duas vitórias e cinco empates. A última derrota foi para o Oeste, por 2 a 1, em Florianópolis.

Não perder, aliás, é a especialidade do time catarinense, que é o 'rei do empate' da Série B 2019. Dos 33 jogos da equipe na competição, 16 terminaram sem um vencedor.

No jogo desta sexta-feira, o Figueira também defende um jejum de 15 anos contra o Coxa.

ESCALAÇÃO
O Coritiba pode repetir a escalação pela primeira vez desde a chegada do técnico Jorginho. As únicas peças fora de jogo são os meias Luiz Henrique e Rafinha, em tratamento, que já não atuaram nas últimas rodadas. O treinador vem usando como base o esquema tático 4-2-3-1, agora com Matheus Sales e Serginho como volantes. E com Alano (direita), Giovanni (centro) e Robson (esquerda) na linha de três do setor ofensivo. Antes, Alano vinha atuando como volante.

O Figueirense não conta com o zagueiro Dener, os laterais Matheus Destro e Wallace, os volantes Christian e Zé Antônio e o meia Matheuzinho, todos lesionados.

FIGUEIRENSE x CORITIBA
Figueirense: Pegorari; Luis Ricardo, Pereira, Alemão e Conrado; Patrick, Betinho e Fellipe Mateus; Breno, Jefferson Renan e Rafael Marques. Técnico: Pintado
Coritiba: Muralha; Diogo Matheus, Nathan Ribeiro, Sabino e William Matheus; Serginho e Matheus Salles; Juan Alano, Giovanni e Robson; Rodrigão. Técnico: Jorginho
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)
Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, às 21h30

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES