Publicidade

Criminalidade caiu em Curitiba, diz governo

Nas dez regiões de Curitiba onde o Governo do Paraná implantou Unidades Paraná Seguro (UPS) houve redução de 24% no número de mortes violentas. O volume de roubos caiu 18% e os registros de furtos apresentaram queda de 24%, segundo balanço da Polícia Militar do Paraná.
O levantamento compara ocorrências registradas no período de abril de 2012 a março de 2013, ante os dados dos 12 meses terminados em março do ano passado. O número de mortes violentas caiu de 94 para 71. O número de roubos reduziu de 840 para 691, o de furtos de 1.095 para 837. O número de apreensões por posse ou porte de arma de fogo caiu de 60 para 28, com redução de mais de 50%.


Na capital, as UPS estão instaladas nos bairros Uberaba, Parolin, Sítio Cercado, Cajuru, Tatuquara e mais cinco regiões da Cidade Industrial de Curitiba (Sabará, Vila Verde, Nossa Senhora da Luz, Vila Sandra e Caiuá).
O levantamento da PM mostra, ainda, que o reforço policial e a confiança da população fez aumentar os registros de ocorrências. Os exemplos mais evidentes são o aumento de 86% no número de detenções por perturbação da tranquilidade (211 para 393) e de 74% por lesão corporal (de 236 para 410). As apreensões por envolvimento com drogas aumentaram 30% (de 126 para 164) e a recuperação de veículos roubados aumentou de 132 para 141 (7%).

DESTAQUES DOS EDITORES