Publicidade
Medo

Curitibanos encontram filas em supermercados

"Fila em a\u00e7ougue de supermercado de Curitiba: medo de desabastecimento"
"Fila em a\u00e7ougue de supermercado de Curitiba: medo de desabastecimento"

Com medo do desabastecimento em razão da greve dos caminhoneiros, que já dura cinco dias, os curitibanos correram aos supermercados nesta sexta-feira. Longas filas se formaram, principalmente para a compra de itens básicos de alimentação, como carnes, em grande parte dos estabelecimentos da Capital. 

Em muitos lojas, as empresas já estão racionando e limitando o número de itens que cada consumidor pode levar. De acordo com Associação Paranaense de Supermercados (Apras), a situação é mais grave em relação ao abastecimento de frutas, verduras e legumes, produtos altamente perecíveis, e cuja reposição está sendo prejudicada pela greve e os bloqueios de rodovias. O mesmo acontece em relação a certos cortes de frango e carne bovina que vêm de outros estados, além de laticínios. "Mesmo com o esforço do setor de supermercados para garantir o perfeito abastecimento da população, empresas filiadas à APRAS reportaram que já começam a ter seus estoques de produtos comprometidos", afirmou a entidade, em nota. 

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES