Orientação jurídica

Defensoria Pública faz mutirão só para mulheres nesta sexta-feira, na Praça Rui Barbosa

(Foto: Reprodução)

O Núcleo de Promoção e Defesa dos Direitos das Mulheres (Nudem) e o Centro de Atendimento Multidisciplinar (CAM) da Defensoria Pública do Paraná (DPE-PR) realizam, nesta sexta-feira (25 de março), um mutirão de orientação jurídica na área de família às mulheres em situação de violência doméstica e familiar. É parte do projeto "Mutirão de Atendimento Mulheres em Foco", que tem como objetivo incentivar a atuação das sedes da DPE-PR pelo Paraná a realizar trabalhos de mobilização. O projeto, que faz parte do mês de março, marcado pelo Dia Internacional de Luta das Mulheres, comemorado no dia 8/03, é fruto de uma parceria do Nudem, da Associação das Defensoras Públicas e Defensores Públicos do Paraná (Adepar), da Ouvidoria e da Assessoria de Comunicação da DPE-PR. Nesta sexta-feira, também acontecem mutirões da DPE-PR com o mesmo propósito em Foz do Iguaçu, Campo Mourão e Guarapuava.

O mutirão é só para mulheres e vai acontecer das 13h às 17h na Praça Rui Barbosa, no Centro de Curitiba. Também serão atendidas todas as mulheres que precisarem de assistência do setor de Execução Penal. Para os homens que precisarem de atendimento, a DPE orienta que procurem os meios tradicionais de atendimento da instituição, como os telefones de WhatsApp disponíveis no site, ou atendimento presencial na Sede Central de Atendimento, na Rua José Bonifácio, 66, atrás da Catedral Tiradentes.

Para as mulheres que quiserem comparecer ao mutirão, recomenda-se levar seus documentos pessoais (como RG e CPF). Porém, ninguém vai deixar de ser atendida por não estar com a documentação pessoal no momento do atendimento. De acordo com a coordenadora do NUDEM, a Defensora Pública Mariana Martins Nunes, o mutirão “Mulheres em Foco” contou com a adesão de várias sedes do interior, como Guarapuava. “A importância de ações como essa, para além de possibilitar o acesso facilitado das mulheres à Defensoria Pública durante o evento, é servir de oportunidade para que o enfrentamento da violência doméstica e familiar contra as mulheres seja inserido na agenda de todas as sedes da Defensoria Pública como uma questão prioritária a ser observada durante todo o ano, firmando-se um compromisso institucional neste sentido”, reforçou Nunes. Segundo ela, o evento possibilita também a capacitação das equipes de Defensoras(es), Servidoras(es) e Estagiárias(os), além de colaborar para a educação em direitos da população em geral, com distribuição de cartilhas e promoção de palestras em algumas comarcas.

Serviço
GUARAPUAVA

Sede da Defensoria Pública
Av. Manoel Ribas, 2537 - Centro
Informações: 42 3627-6987 
Whatsapp: 042 99107-4400
25/03 | 13h às 17h

CAMPO MOURÃO - 25/03
Atendimento virtual
44 3524-4768
14h às 17h

FOZ DO IGUAÇÚ - 25/03

Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM)
Rua Padre Bernardo Plate, 1250 - Jardim Polo Centro
45 99813-3907
9h às 12h e das 14h às 17h

CURITIBA - 25/03
Rua da Cidadania Matriz, Praça Rui Barbosa, 101 - Centro
Informações: 41 99188-3726