Transporte coletivo

Depois de 6 anos, Urbs registra aumento no número de passageiros pagantes

(Foto: Daniel Castellano/SMCS)

O número de passageiros pagantes no transporte coletivo de Curitiba aumentou 0,27% em março deste ano em comparação com o mesmo período de 2017. Abril segue a tendência e deve fechar com uma alta de 4%.

É o primeiro aumento registrado pela Urbs (Urbanização de Curitiba S/A) nos últimos 6 anos. “Depois de quase uma década de quedas, a curva começou a inverter e temos uma tendência de aumento, ou ao menos, uma estabilização dessa queda de passageiros”, afirma o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

Em março de 2018 foram transportados 43.514 passageiros pagantes a mais que os 15.860.473 no mesmo mês de 2017. Em abril, o acumulado até dia 18, é de 261.734 passageiros a mais do que o mesmo período de 2017. 

Com estes resultados, em 2018 a queda de passageiro é de 1,15%, enquanto no mesmo período de 2017 (janeiro/abril) a queda registrada foi de aproximadamente 13%. 

Para o presidente da Urbs, a melhora na economia, o congelamento da tarifa, a estabilidade do serviço que segue sem paralisações e greves, e o início da renovação da frota são fatores que influenciam nesse aumento. “É tímido, mas já é um reflexo positivo, e se depender do nosso esforço continuará a aumentar”, disse Maia Neto.

Por dia são transportados média diária de 660 mil pagantes do sistema. Somados os isentos, são transportados diariamente 760 mil passageiros dentro das linhas urbanas da capital.