Publicidade
Segundona

Desfalcado, Coritiba estreia na Série B em estádio lotado para homenagem a Krüger

Wellington Júnior: escalado para a estreia do Coritiba
Wellington Júnior: escalado para a estreia do Coritiba (Foto: Divulgação / Coritiba)

O Coritiba estreia nesta segunda-feira (29) na edição 2019 da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida será contra a Ponte Preta, às 20 horas, no Couto Pereira. O estádio estará lotado. Em homenagem a Dirceu Krüger, maior ídolo da história do clube, que morreu na última quinta-feira, o clube distribuiu 33 mil ingressos gratuitamente. Outros sete mil lugares foram reservados para os sócios em dia. A expectativa é que os 40.500 assentos do estádio estejam ocupados.

Além de distribuir entradas gratuitas, o Coxa promete diversas ações especiais na partida, em homenagem a Dirceu Krüger.

Enquanto as arquibancadas contam com clima especial, o técnico Umberto Louzer enfrenta os mesmos problemas desde o início da temporada: lesões e desfalques. Ele segue sem contar com o zagueiro Sabino, os meias Giovanni e Alano, o ponta Iago Dias, o lateral-direito Felipe Mattioni e o centroavante Wanderley.

A novidade confirmada é o retorno do goleiro Wilson, recuperado de cirurgia na mão. No banco, a novidade pode ser o lateral-esquerdo William Matheus, que retornou de empréstimo ao Guarani e vem treinando com o grupo principal. Os recém-contratados Diogo Matheus (lateral-direito), Lucas Tocantins (ponta) e Arancibia (ponta) também devem aparecer no banco.

A dúvida ao longo da semana foi o centroavante Rodrigão, artilheiro do time em 2019, com oito gols em nove jogos. Ele ficou seis dias seguidos sem treinador, devido a uma amigdalite. Voltou aos trabalhos na sexta-feira. “O Rodrigo treinou, mas temos uma preocupação maior com ele, pois perdeu massa magra. Com isso, o atleta acaba perdendo um pouco de força. O departamento de fisiologia e nutrição estão trabalhando para que ele tenha condições”, disse o técnico Umberto Louzer.

O treinador vem usando o esquema tático 4-2-3-1 como base em 2019. A linha de três do setor ofensivo deve ter Wellinton Junior (direita), Thiago Lopes (centro) e Patrick Brey (esquerda).]

Adversário

A Ponte Preta foi a quinta colocada na classificação geral do Paulistão 2019, com 7 vitórias, 7 empates e 3 derrotas. Na Copa do Brasil, o time caiu no primeiro jogo, perdendo para a Aparecidense. Os destaques da equipe no ano são o centroavante Thalles (23 anos, ex-Vasco), com quatro gols e uma assistência, e o goleiro Ivan (21 anos, prata-da-casa). Outros pontos fortes do time foram o zagueiro Reginaldo (26 anos, ex-Fluminense) e o meia Gerson Magrão (33 anos), que fez um gol e deu duas assistências no Paulistão.

CORITIBA x PONTE PRETA
Coritiba: Wilson; Sávio (Diogo Mateus), Alan Costa, Romércio e Fabiano; Vitor Carvalho e Elyeser; Wellinton Junior, Thiago Lopes e Patrick Brey; Rodrigão. Técnico: Umberto Louzer
Ponte Preta: Ivan, Arnaldo, Renan Fonseca, Reginaldo e Diego Renan; Edson, Gerson Magrão e Matheus Vargas (Igor Henrique); Júlio César, Renato Kayzer (Giovanni) e Thalles. Técnico: Jorginho
Árbitro: Ronei Candido Alves (MG)
Local: Couto Pereira, às 20 horas

DESTAQUES DOS EDITORES