Quadrinhos

Editora de HQs curitibana lança conto de Machado de Assis e nova versão do Zorro

‘Z - A Marca da Liberdade’
‘Z - A Marca da Liberdade’ (Foto: Reprodução)

A editora de Histórias em Quadrinhos Ultimato do Bacon fará nesta sexta-feira (24) uma live sobre a obra ‘A Vida Eterna’, conto de Machado de Assis transposto para HQ por Marcel Bartholo, e sobre o lançamento de ‘Z - A Marca da Liberdade’, da autoria de Germana Viana. As duas obras compõem edições da revista ‘Escafandro’, da editora.

A live será nesta sexta, às 19 horas, no canal Sobrecapa no Youtube (acesso AQUI), e terá a presença dos autores Marcel Bartholo e Germana Viana, além de Yuri Mazzetti, Paulo Henrique Cavagnari, NegroGeek, Fabiano Kbelo, Alexandre Pires do Prado Baptista e a equipe do Ultimato do Bacon.

‘A Vida Eterna’ é um conto publicado por Machado de Assis – sob o pseudônimo "Camilo da Anunciação" – no Jornal das Famílias em 1870. Machado de Assis na época tinha 31 anos e não era famoso. Derivado da ‘Revista Popular, o ‘Jornal das Famílias’ era um periódico que circulava no Rio de Janeiro tendo em vista o público feminino e Machado, diferentemente de outros cronistas da época, apresentava contos que beiravam o terror e o fantástico, saindo das obras frívolas que eram mais comuns à época. Na trama, Camilo D'Anunciação, durante uma noite de conversas com seu caro amigo, o Dr. Vaz, ouve batidas a sua porta e, ao atender, se depara com o enigmático Tobias, que tem uma estranha proposta a fazer.

Já em ‘Z – A Marca da Liberdade’, Germana Viana constrói uma fábula inspirada na jornada real de Johnston McCulley – o autor das histórias do Zorro – nas suas mais diversas referências, misturando elementos reais e fictícios no auge da corrida do ouro no velho oeste americano. Na trama, McCulley busca inspiração para seu novo livro (que viria a ser sobre o Zorro) e parte em uma viagem de pesquisa acompanhado pelo retratista Phelps, encarregado de registrar em ilustrações os momentos importantes da viagem. A dupla, no entanto, encontra mais que relatos ou informações, esbarrando com um bandoleiro mascarado envolto por acontecimentos espetaculares, amores proibidos, tesouros secretos e pactos clandestinos realizados por um capitão sem escrúpulos. A colorização é de Fabiana Signorini (‘Gibi de Menininha’). A edição está em processo de financiamento coletivo no site Catarse.