Publicidade
15 horas de cerco

Em confronto, Bope mata assaltantes que assassinaram PM na CIC

Depois de um cerco que durou 15 horas, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) mataram a tiros na manhã desta terça (3) os dois assaltantes que atropelaram o tenente da PM Ricardo Ribas, 27 anos, na noite de segunda (2).  Eles foram mortos na fábrica da Bosh, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), onde estavam escondidos, em confronto com o Bope.

O tenente Ribas morreu após tentar parar os dois assaltantes que fugiam em carro roubado após ocorrência em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba.  

Tenente da PM morre após ser atropelado por assaltantes em fuga na CIC

Nas buscas dos dois assaltantes até um helicoptero foi usado. Os assaltantes foram atingidos após atirarem contra os policiais, segundo informações da PM.

Mais informações em breve

 

DESTAQUES DOS EDITORES