Publicidade
Carreira & Cia.

Empreendedora na política e nos negócios abre casa de queijos artesanais

Da esquerda para direita Angelo Martiriggiano, Renata Bueno, Bruna Bueno, Ricardo Bueno
Da esquerda para direita Angelo Martiriggiano, Renata Bueno, Bruna Bueno, Ricardo Bueno

 

Exercer uma atividade política é, também, um ato de empreendedorismo, na medida em que as articulações  com as várias esferas do governo facilitam e agilizam os negócios na iniciativa privada. Dando um tempo na política, Renata Bueno, a primeira Deputada Ítalo-Brasileira eleita para representar os italianos que vivem na América do Sul no Parlamento Italiano, resolveu trazer para Curitiba, junto com o marido, o italiano Angelo Martiriggiano e os sócios Bruna e Ricardo Bueno, a primeira casa autêntica de produção artesanal de queijos. Conversamos com Renata Bueno.

O que motivou a atuar no segmento de queijos artesanais?
Na verdade este foi um projeto já iniciado pelo meu marido, Angelo Martiriggiano, em Praga. Percebendo a tendência  que hoje os produtos de laticínio italiano, principalmente a Burrata e a Mozzarella são muito apreciados no mundo todo, tivemos a ideia de oferecer ao público um verdadeiro produto Made In Italy e não imitações como vemos por aí. Esta experiência do Angelo nos inspirou a trazer também para o Brasil a Burrata e a Mozzarella.

Qual a proposta da nova casa?
Nossa proposta é trazer um pedacinho da Itália para o Brasil, começando por Curitiba, a “nossa terra”. Fomos os pioneiros em fazer a produção completa do queijo no País. Na Itália existem muitos “caseifici” (lugares de produção de queijo), exatamente como o que criamos aqui. O trabalho vem desde a coleta diária de leite, a mão de obra e os equipamentos são italianos, inclusive com a proposta de fazer a produção em uma vitrine, para que as pessoas possam ver como é feito na Itália e agora está sendo feito por nós aqui, com o resultado delicioso dos nossos produtos. Não só a distribuição para alguns renomados restaurantes, mas também a venda direta ao consumidor final, com um preço acessível. Além disso, temos também os produtos complementares, como vinhos e massas.

Quando foi criada a primeira Mozarellart?
Foi criada em 2013, na República Checa, pelo meu marido Angelo e outros sócios. Depois houve uma separação da sociedade e desde então, há três anos, começamos este projeto no Brasil, com a preparação de todas as licenças. Por ser um produto inédito, levamos algum tempo para poder registrar e certificar tudo. 

As matérias primas e a mão de obra?
O leite é comprado na região de Curitiba, uma dasmelhores regiões leiteiras do Brasil. A mão de obra é toda italiana, inclusive com um mestre queijeiro, que tem mais de 30 anos de experiência e vem da cidade onde foi inventada a Burrata, tem a profissão já na família há várias gerações, além do maquinário, que veio todo da Itália.

E as parcerias com o varejo?
Então, como comentei, distribuímos para alguns restaurantes renomados como o Porcini, que foi nosso primeiro parceiro, o grupo Vino, a Osteria Capitolina, o Bobardi, o Q Restô e entramos agora na cadeia no James Oliver. Estes clientes já contam com nosso produto artesanal fresco, que lhes é entregue duas vezes por semana. Além de fazer o atendimento ao público com todas as explicações sobre o processo, temos um atendimento personalizado na loja.

Como foi a sua atuação como Deputada, iniciando por amigos italianos, e quais planos para voltar?
Este projeto nasce justamente através de amigos e da comunidade italiana na qual eu já atuava quando fui vereadora em Curitiba. Quando surgiu a oportunidade de ser candidata ao Parlamento Italiano, que é um sonho que eu tinha, viabilizamos esta oportunidade com uma campanha bem estruturada no Brasil e demais países da América do Sul, através do apoio vital do Marcello Ramella e de outros amigos da comunidade italiana de Curitiba. Foi uma experiência fantástica. Como primeira Deputada do Brasil eleita ao Parlamento Italiano, pude levar o nome dos descendentes, de toda a italianidade na América do Sul, principalmente no Brasil, para o coração da Itália, que é o parlamento italiano. Conquistei um grande respeito e amizades com o alto nível da política do País. Hoje, mesmo sem mandato, continuo atuando, através das ótimas relações no Parlamento e na política italiana em geral. Nossa dedicação será sempre a mesma, com mandato ou não. Agora posso dizer que sou uma pessoa pública italiana, acompanhando também o Brasil, mas minha vida hoje é na política italiana. www.facebook.com/mozzarellart.brasil/


Curtas:

  • “Se você quer a sua empresa com crescimento sustentável em todos os sentidos, principalmente com boa administração financeira e comercial, é vital desde o inicio implantar organização, planejamento e controles das atividades”. Assim recomenda Moacyr Soares Neto, consultor administrativo e comercial para micro, pequenas e médias empresas. Recentemente, Neto prestou serviços semelhantes para empresa de prestação de serviços nas áreas de idiomas e profissões. Mais informações: 41-9.9731-0341.
  • No livro “Comunicação Não-Violenta”, Marshall Rosenberg nos revela um método baseado em habilidades de linguagem e comunicação com o objetivo de fortalecer o ser humano mesmo em condições adversas, promovendo o respeito e empatia. Manual prático e didático que apresenta metodologia voltada para aprimorar os relacionamentos interpessoais e diminuir a violência no mundo. Editora Ágora.

Frase:
“A vida não oferece promessas nem garantias, apenas possibilidades e oportunidades".

(Autor desconhecido)

DESTAQUES DOS EDITORES