Publicidade
Paranaense

Ex-Coritiba e Real Madrid, lateral elogia estrutura ‘sensacional’ do Athletico

Abner, em treino no CT do Caju
Abner, em treino no CT do Caju (Foto: Divulgação/Athletico.com.br/Mauricio Mano)

Ele chegou há pouco tempo. Mas o bastante para elogiar, e muito, a nova casa. Contratação do Athletico Paranaense para a temporada, Abner reconhece que está encantado com tudo que viveu nesta primeira semana de Furacão.

Para o lateral-esquerdo, tanto a estrutura do Atlhetico quanto o ambiente encontrado no novo clube merecem destaque. Abner diz que, agora, é preciso trabalhar muito para retribuir. “Você já sabe que a estrutura do Atlhetico é sensacional, todos falam isso, você vê diariamente matérias e atletas falando sobre isso. Mas você viver é diferente, estar aqui todos os dias é sensacional. Agora eu entendo o motivo da estrutura do Atlhetico ser referência. Acho que também por isso que o clima aqui é muito bom, o ambiente de trabalho no Athletico é excepcional. Estou me dedicando demais com foco em retribuir a confiança”, afirmou o jogador de apenas 22 anos, com passagem pelo Real Madrid B e seleção brasileira de base.

Abner, revelado na base do Coritiba, não quer pular etapas. Por ter desembarcado no CT do Caju há poucos dias, sabe que precisa ainda realizar todo um trabalho específico até ficar à disposição. “Desenvolvemos um planejamento e vamos seguir. O Athletico vem cuidando muito bem de tudo e estamos trabalhando. Como eu disse o ambiente do nosso trabalho diário é muito bom e isso faz com que as coisas acontecem mais rápido e melhores. Estou trabalhando forte, me dedicando. Meu objetivo é ficar 100% em breve e pronto para retribuir a confiança do Athletico”, finalizou o lateral-esquerdo, que ainda não foi convocado para a partida deste domingo (dia 17), contra o Maringá.

CURRÍCULO
Na Série B de 2018, Abner disputou 19 das 38 rodadas, fez duas assistências e não marcou gols. No ranking de desempenho do Sofascore, Abner foi o 20º melhor entre os 38 jogadores do Coxa na segunda divisão nacional.

O lateral-esquerdo foi revelado nas categorias de base do Coritiba. Chegou a disputar uma partida como profissional no clube paranaense, no Brasileirão de 2013 – atuou nos 26 minutos finais do empate por 2 a 2 com o Goiás.

Em 2014, o Coritiba tinha 40% dos direitos econômicos de Abner e vendeu essa parcela por dois milhões de euros para um grupo de empresários. Em seguida, esse grupo vendeu 100% do jogador para o Real Madrid. O valor dessa transação não foi divulgado.

O jogador rompeu o ligamento do joelho três vezes: uma em abril de 2014 (no Coritiba), outra em setembro de 2014 (já no Real Madrid) e a última em setembro de 2015.

No clube espanhol, ficou no time B, chamado de Real Madrid Castilla, que disputava a terceira divisão nacional. Foi pouco utilizado nos dois primeiros anos, devido às duas lesões no joelho. Na temporada 2016/17, foi titular em 10 jogos e entrou como substituto em 11.

Na temporada 2017/18, Abner estava emprestado pelo Real Madrid para o Estoril, de Portugal. Disputou 11 jogos (oito como titular) pelo clube português.

DESTAQUES DOS EDITORES