Publicidade
literatura

Flip une 2 grandes ícones brasileiros: Hilda Hilst e Fernanda Montenegro

Edição acontece em Paraty e vai até este domingo 
Flip une 2 grandes  ícones brasileiros: Hilda Hilst e Fernanda Montenegro
Fernanda Montenegro deu vida à intensidade dos textos de Hilda Hilst (Foto: Walter Craveiro/Flip )

Em sua 16ª edição, a Festa Literária Internacional de Paraty começou na quarta (25) e continua até o domingo (29) na cidade de Paraty, Rio de Janeiro. Considerada a maior festa literária gratuita do mundo, a Flip reúne grandes nomes da literatura brasileira e estrangeira. A curadoria do evento mais uma vez é de Joselia Aguiar, que repetindo o feito do ano passado, reuniu um grupo bastante heterogêneo de escritores.
A escritora homenageada da Flip 2018 é Hilda Hilst, ficcionista, cronista, dramaturga e poeta brasileira. Na abertura do evento, Fernanda Montenegro deu vida à intensidade transcendental dos textos de Hilda, que é considerada uma das maiores escritoras em língua portuguesa pela crítica especializada. Além das mesas da programação oficial, o público conta ainda com uma infinidade de opções nas casas parceiras e na programação paralela, tão diversas quanto os autores convidados para a Tenda dos Autores, onde acontece a programação oficial da festa. 
Apesar de ser uma festa literária, a Flip está longe de ser um evento exclusivo do público ligado à literatura. Na Flip, crítica literária, gêneros textuais e desafios do mundo editorial se misturam às conversas sobre educação, política e tecnologia, por exemplo. Acompanhando o momento de efervescência pela qual o Brasil passa, algumas casas abraçaram a discussão política, trazendo nomes como Roberto Barroso, ministro do STF, e até mesmo alguns pré-candidatos à presidência da república. É fato que a Flip tem opções para todos os públicos. Pelas ruas lotadas de Paraty é possível ver crianças, famílias, pessoas idosas e jovens universitários convivendo harmoniosamente em todos os espaços.
Quem visita a Flip vai muito além da experiência de comprar livros e apenas lê-los. Na Flip, a literatura é tão viva quanto as idéias que saem das canetas dos escritores e se transformam em imagens na mente do leitor. Na Flip, o texto é literatura, assim como o som, as vozes e os corpos.
Muitos críticos da literatura e até mesmo alguns autores renomados fazem críticas à Flip pela dificuldade de acesso da festa. Como ela acontece em Paraty, cidade turística que possui um custo razoavelmente alto, é considerada por muitos como um evento de elite, que não favorece a participação popular. Na tentativa de modificar esse quadro, a Casa Azul, responsável pela organização da Flip, tem atuado junto à comunidade de Paraty buscando aumentar o acesso da população local à programação. Como a festa conta com investimento estatal, é necessário que mais ações com foco na democratização do acesso ao evento sejam realizadas.
Ainda que precise aparar essas arestas, a Flip é motivo de orgulho para a literatura brasileira. É certo que poucos espaços públicos atuam de maneira tão democrática e diversa quanto ela. Com certeza a festa vale a pena para quem vive da literatura, para quem gosta de ler e até mesmo para quem não lê, mas vive. Corre que ainda dá tempo.


CINEMA

‘Missão: Impossível”;. desde 1996

‘Missão: Impossível - Efeito Fallout’ é o filme de ação do ano 
‘Efeito Fallout’ chegou aos cinemas nesta quinta (26) e comprovou que o gênero ação não existe sem ‘Missão: Impossível’; em seu sexto capítulo, o longa capricha demais e dá aula de como se fazer um filme no estilo.
Brilhantemente regido por Tom Cruise, somos apresentados aqui a uma nova ameaça global que precisa ser contida pela equipe Missão Impossível; trama a qual já estamos bem acostumados. 
A franquia se estende desde 1996, ganhando agora a quinta sequência, o que não é problema; já que um dos grandes trunfos de ‘Missão: Impossível’ é o de não existir necessidade de conexão entre títulos. Cada obra se sustenta de forma independente, mantendo sempre a mesma base de missões extremas; culminando em ação de altíssima qualidade com muita adrenalina do começo ao fim.
Em ‘Efeito Fallout’ não é diferente e consegue aqui extrair o que há de melhor desta fórmula; se tornando com facilidade no filme de ação mais preciso e eficaz já feito em anos. 


INTERNACIONAL


Thirty Seconds to Mars anuncia show na Capital

Como adiantado pelo Curitiba Cult, a rota de shows internacionais volta a agitar à capital. No dia 30 de setembro, o palco do Teatro Positivo recebe a apresentação do grupo Thirty Seconds to Mars, está será a primeira vez que o grupo se apresenta na cidade. Os ingressos começarão a ser vendidos no dia 30 para o fã clube e 31 para o público em geral. Confira abaixo os valores. Além da capital, o grupo passa ainda por São Paulo (26) e Porto Alegre (29).


MÚSICA

Contagem regressiva para a chegada do show do Chico Buarque

Chico Buarque traz turnê inédita a Curitiba
“Minha embaixada chegou/ Deixa meu povo passar”. Assim, tomando para si a canção de Assis Valente, Chico Buarque anunciava – no dia 13 de dezembro, em Belo Horizonte – a estreia da turnê Caravanas. Agora, depois de passar pela capital mineira, pelo Rio de Janeiro e São Paulo e ser vista por mais de 90 mil pessoas, a embaixada de Chico segue na estrada e chega a Curitiba de 02 a 04 de agosto, no Guairão. Os ingressos estarão a partir de R$150.

DESTAQUES DOS EDITORES