No Centro

Guarda Municipal de Curitiba reprime três casos de pichação

Guarda Municipal
Guarda Municipal (Foto: Divulgação/Curitiba.pr.gov.br)

Três indivíduos, apontados como responsáveis por picharem porta de comércios, latas de lixo e outros equipamentos públicos, foram detidos pela Guarda Municipal, na madrugada desta sexta-feira (14/1).

Antes da 1h, uma das equipes do Grupo de Pronto Emprego Operacional (GPEO) em patrulhamento pela região central viu um rapaz pichando uma porta de ferro na Praça Rui Barbosa. O jovem, de 21 anos, estava com uma lata de tinta branca.

Pouco mais de uma hora depois, guardas de plantão na Muralha Digital (projeto de videomonitoramento da Prefeitura) detectaram pelas imagens uma dupla pichando nas proximidades do Largo da Ordem.

As câmeras também flagraram o momento em que, ao perceber a aproximação da viatura da GM, os dois indivíduos jogaram uma lata de tinta amarela. Com 30 e 34 anos, eles foram detidos nas imediações da Praça Garibaldi.

Os três foram encaminhados à Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e autuados administrativamente, com multa prevista na lei municipal nº 15.089/2017. O valor é de R$ 5.215,50 aplicados à pichação em patrimônio particular e de R$ 10.431 em patrimônio público. A reincidência acarreta multa no valor em dobro, de acordo com o determinado pelo Código de Posturas de Curitiba (lei 11.095/2004).

Aprovação da comunidade
A atuação da GM nos casos desta madrugada recebeu elogios do grupo Centro Seguro, composto por trabalhadores e empresários da região. “A GM está fazendo um trabalho intenso e excelente na região central. Em ações contínuas vários pichadores foram detidos”, aponta Wilma Kurth-Heussinger, integrante do Centro Seguro.

“Além dos pichadores, vários outros delitos são coibidos diariamente, além de prisões de vários elementos com mandato de prisão em aberto. A população reconhece o empenho da valorosa GM nessa luta e agradece”, acrescenta ela.