Publicidade
Brasileirão

‘Invicto’, Atlético revê o Cruzeiro, agora pelo Brasileirão

‘Invicto’, Atlético revê o Cruzeiro, agora pelo Brasileirão
Tiago Nunes, técnico do Atlético: “Não perdi nos dois últimos jogos. Prefiro ver o copo meio cheio” (Foto: Geraldo Bubniak)

O Atlético enfrenta o Cruzeiro neste domingo (22), às 19 horas, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será no estádio Mineirão, em Belo Horizonte. Curiosamente, o mesmo adversário e o mesmo local da partida da última segunda-feira (16), pela Copa do Brasil, que marcou a estreia do “invicto” técnico Tiago Nunes.

Nunes, que dirigiu o time sub-23 do Atlético no Estadual e sagrou-se campeão, foi alçado à posição de treinador do time principal durante a pausa do Brasileirão para a Copa do Mundo. Ele entrou no lugar de Fernando Diniz, que foi demitido. Seu primeiro jogo – empate em 1 a 1 com o Cruzeiro – eliminou o time paranaense da Copa do Brasil. Na última quinta-feira (19), em sua estreia pelo Brasileirão, houve um empate em 2 a 2 com o Internacional, na Arena da Baixada.

A troca de comando ocorreu por causa dos mais resultados sob o comando de Fernando Diniz – o time paranaense está na zona de rebaixamento, em 18º lugar, com 10 pontos. Na temporada, o Atlético acumula cinco jogos sem vitória, entre Brasileirão e Copa do Brasil. “Não perdi nos dois últimos jogos. Prefiro ver o copo meio cheio”, disse Nunes, após seu segundo jogo no comando da equipe.

Para este domingo, Nunes tem três desfalques certos. O zagueiro Thiago Heleno lesionou o tornozelo direito contra o Inter. O lateral Renan Lodi foi expulso. E o meia Raphael Veiga, autor de um dos gols, levou o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão. Na zaga e na lateral, os substitutos naturais são Wanderson e Nicolas.

Para o meio-de-campo, por sua vez, há certo mistério. Nunes pode escalar o volante Rosseto ou colocar Bruno Nazário, que estreou diante do Inter e recebeu elogios do treinador. “(Bruno) Entrou bem. O ambiente na Arena requer muita personalidade do jogador e ele demonstrou muita doação, verticalidade, procurou ir para a frente, atacar os espaços”, disse ele. “Naturalmente ele vai ganhar espaço. Nosso papel é ver em que característica ele se enquadra melhor”. Ainda invicto no time principal, Nunes deixou para definir essa vaga apenas momentos antes do jogo deste domingo.

CRUZEIRO x ATLÉTICO

Cruzeiro: Fábio; Edílson, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Robinho, Thiago Neves e Arrascaeta; Barcos. Técnico: Mano Menezes

Atlético: Santos; Jonathan, Wanderson, Paulo André e Nicolas; Bruno Guimarães, Lucho Gonzalez e Bruno Nazário: Pablo, Bergson e Nikão. Técnico: Tiago Nunes

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Local: Mineirão, domingo, às 19 horas

DESTAQUES DOS EDITORES