Publicidade

Irmã de Sharon Tate elogia interpretação de Margot Robbie em longa de Quentin Tarantino

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Debra Tate, 66, gostou de ver a sua irmã Sharon Tate (1969-1943) representada pela atriz Margot Robbie, 28, no novo filme de Quentin Tarantino. "Era uma Vez em Hollywood" estreou no Festival de Cannes, na França, e chega aos cinemas em 15 de agosto.

Margot é a Arlequina de "Esquadrão Suicida" (2016) e estrela de longas como "O Lobo de Wall Street" (2013),  "A Lenda de Tarzan" (2016) e o premiado "Eu, Tonya" (2017). 

O longa de Tarantino revisita o assassinato de Sharon Tate, morta a facadas por seguidores do fanático Charles Manson, e o relacionamento da atriz com o diretor Roman Polanski, hoje chamuscado por acusações de abuso sexual.

Debra, irmã de Sharon, disse que Margot Robbie arrasou no papel, segundo informou o site americano TMZ. Antes do lançamento do filme Cannes, ela se encontrou com Tarantino, leu o roteiro do longa e prometeu apoiá-lo, mas estava preocupada com uma cena em particular.

A preocupação, no entanto, já acabou quando Debra viu o primeiro trailer do filme. A cena mostra um momento em que Sharon vai ao cinema para ver um de seus filmes, e comenta com o bilheteiro quem ela é. O medo de Debra é que sua irmã fosse retratada como uma atriz presunçosa. 

"Dependendo de como Margot interpretasse, poderia soar egocêntrico, mas ela fez um trabalho maravilhoso. Sharon não era nada egocêntrica, e Margot captou muito bem a doçura dela", afirmou Debra. 

Agora que ficou mais tranquila com o trailer, Debra não vê a hora de assistir ao filme. A irmã de Sharon ainda luta para que membros da comunidade de Charles Manson (1934-2017), ainda vivos, continuem na prisão. Uma delas é Leslie Van Houten. 

DESTAQUES DOS EDITORES