Publicidade
Transmissão automática

JAC T40 CVT um SUV chinês de bom custo/benefício 

 Novidade ganha câmbio CVT e novo motor 1.6 por R$ 69.990
JAC T40 CVT um SUV chinês de bom custo/benefício 
T40 ganhou motor mais forte e transmissão automática (Foto: Divulgação)

Os carros chineses foram os mais prejudicados pelas amarras de cotas do Inovar-Auto, com o encerrado em dezembro de 2017, voltaram a acreditar no mercado brasileiro para eles e começam a melhorar suas gamas de produtos. A JAC já oferece o T40 com a opção do câmbio CVT. Dotado de uma relação custo/benefício atraente (ele é o único SUV com câmbio automático abaixo de R$ 70 mil), o JAC T40 CVT possui mudanças mecânicas e estéticas, conforme se confere nos itens específicos dessa versão, que devem incrementar ainda mais sua performance no segmento de SUV´s. O crossover, além da nova transmissão, troca o motor 1.5 por um novo 1.6 e recebe quadro de instrumentos inédito. Seu preço é R$ 10 mil a mais do que a versão manual, atualmente com preços a partir de R$ 59.990. O câmbio CVT simula seis marchas e tem função para trocas manuais. O T40 CVT usa o inédito 1.6 de 138 cv a 6.000 rpm e 17,1 kgfm a 4.000 rpm, com variação dupla de fase nos comandos de válvulas. As medidas continuam a mesmas, com 4,13 metros de comprimento, 1,75 m de largura, 1,56 m de altura e 2,49 m de entre-eixos. O porta-malas tem capacidade para 450 litros.
Por dentro, há dois destaques nessa nova versão: os bancos revestidos em couro ecológico (equipamento de série) e o novo quadro de instrumentos. Com grafismo inédito, ele permite melhor leitura que a versão anterior, onde velocímetro e conta-giros possuem melhor visualização, tendo nas extremidades marcador do nível de tanque de combustível e termômetro de água do motor. Ao centro, o T40 CVT exibe um novíssimo computador de bordo, com várias funções de checagem de funcionamento do carro e dados de cruzeiro, como consumo instantâneo, médio, autonomia. Além das novidades mecânicas, o T40 CVT ganha mais equipamentos, como ar-condicionado automático, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, start-stop e novo quadro de instrumentos. Segue com controle de cruzeiro, faróis de neblina, LED de iluminação diurna, retrovisor antiofuscante, controle de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, monitoramento de pressão dos pneus, câmera de ré, Isofix e câmera frontal.

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES