Publicidade

Kylie Jenner diz que filha não aparecerá em reality e que 'nenhum centavo' seu é herdado

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Capa da revista alemã Interview, Kylie Jenner, 21, concedeu uma entrevista em que fala sobre as facetas de ser mãe e como sua rotina tem mudado nos últimos meses. 

"Eu sempre soube que queria ser uma mãe jovem. Eu me lembro que as pessoas costumavam perguntar: 'Você está pronta para isso?'. E eu sempre soube que estava, mas você não sabe o que é aquele amor e aquele sentimento até ter um filho", disse a empresária.

Kylie afirmou que Stormi, sua filha, mudou sua vida "para melhor" e que ela é hoje a sua maior prioridade: "Definitivamente fui feita para isso". Ela ainda disse que a filha não vai aparecer no reality show da família, o "Keeping Up With The Kardashians", até "ela ser grande o suficiente para fazer essa decisão por si própria."

"Sinto que a minha vida não havia começado até eu ter a Stormi", disse a Jenner, que garantiu que ainda quer ter mais filhos, embora isso não seja plano para um futuro próximo.

A empresária também falou sobre os seus negócios e disse que se sente mais pressionada a ser um bom exemplo desde que teve a filha. "Sei que ela vai se espelhar em mim e eu quero ser o melhor exemplo possível", comentou. 

"Não consigo me lembrar do dia em que não tive milhões de pessoas me dizendo suas opiniões sobre tudo o que eu faço, então não tenho ideia de como seria essa realidade. Isso me afeta às vezes, mas sinto que Deus me colocou nessa posição porque ele sabia que eu podia aguentar", revelou a Jenner.

Ela disse ainda que nunca achou que poderia se tornar bilionária, apesar de acreditar em sua marca de cosméticos, a Kylie Cosmetics.

Mesmo tendo conquistado sua riqueza através dos produtos da marca e outros meios envolvendo sua figura, Kylie é alvo de criticas por se considerar uma bilionária "self-made", termo usado pela revista Forbes para descrevê-la. Isso porque a Jenner é famosa desde muito nova por conta de sua família, e já era conhecida quando lançou a marca própria.

Ela discorda das críticas: "Não há outra palavra a ser usada além de 'self-made', porque é a verdade. Essa é a categoria na qual me encaixo", defende. 

"Apesar de eu ser um caso especial antes de começar a Kylie Cosmetics, porque eu tinha uma plataforma gigante e muitos fãs, eu não ganhei dinheiro dos meus pais depois dos 15 anos de idade. Eu usei 100% do meu próprio dinheiro para começar a companhia, nenhum centavo da minha conta bancária é herdado. E eu sou muito orgulhosa disso".

DESTAQUES DOS EDITORES