Publicidade
Paraná 0 x 0 Guarani

Matheus Costa lamenta empate, mas diz que time “está no caminho”

(Foto: Geraldo Bubniak)

O resultado não foi o esperado. Jogando na Vila Capanema diante do segundo maior público do clube na temporada, o Paraná não conseguiu sair do 0 a 0 contra o Guarani. Mas se os três pontos não vieram, por outro lado o desempenho da equipe, em especial no segundo tempo, agradou ao técnico paranista, que disse ver um time que está no caminho para brigar pelo acesso na Série B.

Leia o relato completo da partida entre Paraná e Guarani, que terminou em 0 a 0

Confira a avaliação sobre o desempenho de cada um dos jogadores do Paraná na partida


“O Guarani foi superior por 25 minutos no primeiro tempo e em alguns momentos conseguiram chegar na zona ofensiva. Corrigimos isso no intervalo e daí foi um jogo de ataque contra a defesa. Claro que a gente fica frustrado pela festa que a torcida fez, inclusive depois do jogo, mas sabemos que estamos no caminho. O resultado não veio, mas tivemos desempenho e poderíamos ter saído daqui com os três pontos. Agora é buscar esses dois pontos perdidos lá em Campinas (contra a Ponte Preta, no próximo sábado)”, declarou o treinador paranista em entrevista coletiva.

Ainda segundo Matheus Costa, o bom desempenho da equipe foi também reconhecido pelos torcedores, citando a festa que, mesmo após confirmado o empate, foi possível ouvir das arquibancadas. “Os torcedores viram uma equipe lutando dentro de campo e eles podem ter certeza que vamos lutar novamente para conseguir os três pontos lá em Campinas porque eles (torcedores) merecem isso, disse o técnico.

Questionado sobre a possibilidade de chegarem reforços para o ataque, Matheus Costa preferiu exaltar os jogadores com que já conta. Disse que o elenco tem muito potencial e deve ainda evoluir. Além disso, destacou que a primeira parte do trabalho – montar uma defesa sólida – já foi feita.

Esse elenco tem muito potencial. Podemos apresentar um bom jogo, um bom futebol, e a tendência é a gente evoluir, se desenvolver mais nos setores ofensivos”, disse o treinador. “Deve se iniciar a equipe com uma defesa sólida e isso nós já conseguimos. A partir do momento que temos uma defesa sólida, é criar situações para construir o jogo e envolver o adversário”, complementou.

João Pedro e Jenison são exaltados

Dois jogadores do Paraná receberam destaque especial durante a coletiva de imprensa. Um deles foi o meia João Pedro, que entrou na equipe na volta do intervalo, no lugar de Alesson. O outro foi o atacante Jenison, que apresentou boa movimentação na etapa inicial e foi bem como pivô na segunda etapa. O gol do atacante ainda não saiu na Série B, mas Matheus Costa se mostra tranquilo com a situação.

“O João Pedro, desde o início da Série B, é um jogador com quem a gente conta muito. Infelizmente houveram situações que o impediram de jogar mais conosco até aqui, mas sabemos do apelo e do carinho que ele tem pela torcida, a conexão dele com o Paraná Clube.
É um jogador que pode mudar o jogo e mudou, mas infelizmente o resultado não veio”, comentou Matheus Costa.

Já sobre Jenison, o comentário veio por iniciativa do próprio técnico, que após responder uma pergunta relacionada a outro tema pediu um espaço para comentar sobre o camisa 9 de seu time.

“Queria destacar o Jenison. Ainda não fez gol, mas a entrega, a luta dele… O quanto ele tem distribuído o jogo, ganhado a primeira bola. Estamos tranquilos porque ele está fazendo uma partida melhor que a outra, estamos muito satisfeitos e sabemos que uma hora vai sair o gol. “

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES