Estaduais e federais

Mortes no feriado da Páscoa caíram 40% nas rodovias do Paraná

(Foto: Divulgação / PRF)

O balanço final das Operações Semana Santa  das polícias rodoviárias  Federal e Estadual apresentou uma expressiva redução no número de mortes em acidentes nas rodovias que cortam o Estado. Da noite de quinta-feira passada, quando foi lançada a operação, até a noite de domingo, foram contabilizadas 12 mortes em acidentes — seis em rodovias federais e seis nas estaduais. No mesmo feriado do ano passado foram 20 mortes, o mque dá uma redução de 40% neste ano.

O número geral foi puxado para baixo pelo resultado nas rodovias federais. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) contabilizou uma redução de 57% na mortalidade em acidentes durante o feriado. Foram seis neste ano contra 14 em 2017. O Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) repetiu os números de mortes neste ano, seis. Mas, reduziu o número de feridos e atropelamentos.

“O número de acidentes e mortes se manteve e isso é importante, pois a cada dia temos um aumento da frota de veículos e mesmo assim conseguimos estabilizar os dados”, explica o comandante do BPRv, tenente-coronel Erich Wagner Osternack. Os números de testes etilométricos feitos pelo BPRv aumentaram de 813 no feriado de 2017 para 1.566 neste ano (92,62%), assim como o número de imagens de radar, que de 3.895 no ano passado subiu para 4.379 em 2018 (12,43%).

Feridos
O feriado também contabilizou, somando as duas corporações, a 178 pessoas feridas em 183 acidentes atendidos. A PRF atendeu 102 acidentes e teve 104 feridos. O BPRv registrou 81 acidentes e 74 feridos.
Somente nas rodovias estaduais que ligam ao litoral do estado foram registrados cinco acidentes, oito feridos, 12 testes etilométricos, dois veículos retidos por alguma irregularidade, 555 imagens de radar e 39 autuações no geral. Não houve registro de mortes e atropelamentos.

Assuntos