Publicidade
Etiqueta Profissional

O Ano Novo pode ser realmente novo...

O Ano Novo pode ser realmente novo...

A cada virada de ano experimentamos este sentimento curioso de esperança de expectativas sobre o que poderá acontecer nos próximos 365 dias. Os mais céticos podem dizer que nada muda, afinal é apenas uma data no calendário, é como a mudança de um dia para o outro, apenas. No entanto, é inegável o sentimento do renovar-se de esperança, como diria Vinícius, que a grande maioria sente.

Muitos estabelecem novas metas – chegam a colocar no papel ou no computador, planejam ganhar dinheiro, emagrecer, encontrar um amor, e nesses primeiros dias colocam toda a energia nesses anseios. Os mais crédulos ou supersticiosos fazem suas crendices, usando esta ou aquela cor, comendo uvas, lentilhas, carne de peixe e de porco, que são os animais que vão para frente. Ir em frente é o que todos querem. Novos dias, com mais vitórias, mais realizações.

Com o passar dos dias, alguns sonhos vão ficando pra trás e muitas metas são abandonadas pelo caminho. E aí a culpa é do ano, do mês, do dia. Nunca é nossa culpa. Agosto não termina nunca, quero esquecer que este ano existiu, estou no meu inferno astral, tive um dia péssimo... são algumas das frases que encontramos por aí e que certamente vamos continuar encontrando. No entanto, alguns poucos manterão o foco e a determinação, buscarão a vitória de maneira obstinada. Desses poucos, nem todos vencerão, mas aqueles que tropeçarem certamente saberão onde erraram, sem buscar culpados no calendário. Saberão, principalmente, que a luta valeu, que o adiamento da realização trouxe aprendizado, e que manter a determinação não foi tempo perdido.

Sofrer e derrotar-se é triste, mas é confortável. Vencer é trabalhoso. É preciso saber o que se quer – e talvez este primeiro passo seja o mais difícil de toda a caminhada. É preciso determinar o Norte a ser seguido, mesmo sabendo que ele pode ser transformado em Leste, em Sul ou em Sudeste no meio do percurso. Planejar é isso, saber onde se quer chegar, preparado para a ideia de que tudo pode mudar.

Então o novo ano tem tudo pra ser realmente novo, melhor, mais animado. Tem tudo pra nos trazer de bom: amor, dinheiro, trabalho, família... Mas ele mesmo não trará nada! Não há roupa branca ou grão de uva que garanta o sucesso, mas a construção do dia-a-dia com o olhar na sua meta, sim, pode ajudar bastante. Feliz Ano NOVO!

 

DESTAQUES DOS EDITORES