Publicidade
A moda para os ambientes em 2018

Papel e rodapés: as vedetes da decoração

Itens ganham mais espaço na hora de escolher como ‘vestir’ as paredes da casa
Papel e rodapés: as vedetes da decoração

Os rodapés, antes apenas um item de finalização, ganham mais atenção e passam a compor um estilo. Na mesma linha, os papéis de parede seguem como opção mais criativa para mudar a cara da sala, do quarto e até da cozinha.

De simples itens de acabamento do piso, os rodapés passaram a ser considerados peças decorativas que valorizam qualquer ambiente. Eles ganharam cores diferentes, design inovador e apresentam diversos tamanhos. Se antes eles não passavam de 7 cm de altura, hoje os rodapés podem chegar a 30 cm ou 40 cm.

Por isso, no momento da compra sempre surge aquela dúvida: Qual o tamanho ideal do rodapé? Segundo a arquiteta do Ateliê Revestimentos, Patricia Coelho, na hora de definir a altura desse item é preciso levar em consideração o tamanho do ambiente, uso e adequação estética.

De acordo com a arquiteta uma regra simples prevalece: rodapés altos ficam bem em ambientes amplos com pé direito mais alto, e rodapés baixos combinam com ambientes menores. Os rodapés mais utilizados são os de 10 cm e 15 cm de altura. Podemos dizer que são peças curingas que combinam com a maior parte dos ambientes, comenta.

Para manter o equilíbrio na decoração é importante escolher o rodapé junto com outros itens como guarnições e portas, assim é possível manter as mesmas cores e design.

Combinar o rodapé com o piso não é mais uma regra. Com as peças produzidas em poliestireno que apresentam diversas cores e já vêm prontas para serem instaladas, é possível criar ambientes totalmente personalizados e cheios de estilo.

Os rodapés altos e brancos se tornaram um clássico e combinam com todos os tipos de decoração e ambientes.

Quando o assunto é tendência, Patrícia conta que os rodapés mais altos e coloridos têm sido os mais procurados. Rodapés nas cores preto e cinza estão na moda. No que se refere a design, os profissionais de arquitetura e decoração têm especificado modelos com linhas retas e sem muitos detalhes, revela.

A arquiteta também destaca outro ponto importante a ser considerado no momento da escolha do rodapé: o custo dos materiais. Segundo Patricia, os valores se alteram conforme a altura e cor da peça.

Papel de parede
No ano de 2017, houve muitas tendências de decoração e uma delas foi o papel de parede que ocupou lugar de destaque na reforma, tanto para ambientes residenciais como profissionais. O que tudo indica é que o ano de 2018 vem com tudo com novos quesitos de inovação.

Especialistas no assunto afirmam que as decorações mais detalhadas no ano de 2017 dão lugar às combinações simples e naturais, ou seja, aos tons mais neutros como, por exemplo, o cinza rosado, nude e o branco. Pois, de acordo com eles, transmitem paz e tranquilidade.

Outra tendência para 2018 são os elementos naturais como as formas orgânicas e objetos. De acordo com profissionais em decoração, as pessoas devem dar importância a luz natural, quanto mais iluminação melhor, pois a mesma permite mais intensidade nos tons claros de alguns papéis de parede.

Principais estilos
Decoradores e pessoas interessadas em decorar, tiveram a oportunidade de conhecer diversos modelos de papéis de parede em 2017. Mas, para este ano de 2018, o cenário volta com novidades em papéis de parede em cores e tons maravilhosos.

Como vestir a parede

Tons claros e neutros
O papel de parede para decoração com estilo Vintage e romântico pode ser encontrado em tons claros como o bege que deixa o espaço lindo, elegante e confortável.

Formas suaves
Os papéis de parede que possuem formas retangulares ajudam a suavizar as paredes dando acabamento de qualidade e deixa o espaço mais bonito. Esses também estarão em alta em 2018.

Iluminação em excesso
Os papéis de parede que são claros e em estilo brilhosos são modelos que deixam o ambiente mais requintado e ao mesmo tempo delicado, transmitindo singeleza e conforto

Cores suaves
Os papéis de parede em tons mais suaves são modelos que são fáceis de combinar com vários tipos de decorações. Eles também podem ser instalados em vários ambientes.

Elementos da natureza
Os elementos naturais vêm se destacando cada vez mais, pois possuem aparência rústica como, por exemplo, a madeira e a pedra. Segundo especialistas, esse tipo de papel de parede pode ser utilizado em ambientes externos. Uma boa área da casa para instalar papéis de parede que têm esse estilo é na área da piscina, jardins ou até mesmo em lavabos.

Geométricos
Os papeis de parede com estampas geométricas, quadriculados e o Chevron tem sido muito procurado para a decoração no ano de 2017 e em 2018 seguem no mesmo ritmo. São papéis de parede lindos e deixam o espaço sempre bonito e aconchegante.

DESTAQUES DOS EDITORES