Publicidade
Brasileirão

Paraná Clube sofre goleada no Maracanã e chega ao 14º jogo sem vitória

Paraná Clube sofre goleada no Maracanã e chega ao 14º jogo sem vitória
Paraná x Fluminense no Maracanã (Foto: Divulgação/Lucas Merçon/Fluminense FC)

O Paraná Clube perdeu por 4 a 0 para o Fluminense, nessa segunda-feira (dia 8) à noite, no Maracanã, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time paranaense segue em último lugar, na lanterna, com 17 pontos. A equipe carioca está na 8ª colocação, com 37 pontos. Clique aqui para ver a classificação no site Srgoool

Com o placar, o Paraná completou 14 jogos seguidos sem vencer. É o maior jejum do Brasileirão 2018. A pior marca anterior na competição era do Ceará, com 12 partidas sem vitórias no início da competição.

Com o resultado, o Paraná também segue como pior visitante da competição, com apenas um ponto em 14 partidas fora de casa.

DESEMPENHO
A estratégia do Paraná foi ultradefensiva no primeiro tempo. Ficou recuado e conseguiu encaixar a marcação, anulando as principais armas do adversário. O Flu demorou 37 minutos para encontrar uma brecha. E quando encontrou, fez 1 a 0 e o jogo ficou fácil para o time carioca. O time paranaense perdeu o controle da marcação e levou sufoco. Quando teve a bola, quase não conseguiu contra-atacar no primeiro tempo. No segundo tempo, só incomodou em raros chutes de fora da área. 

TÉCNICO
O técnico Claudinei Oliveira segue sem vencer no comando do Paraná Clube em 2018. Foram três empates e sete derrotas desde a sua chegada.

ESCALAÇÃO
O Paraná só tinha uma mudança em relação ao último jogo: René Santos no lugar de Charles. O lateral-direito Júnior, o lateral-esquerdo Igor e os meias Nadson e Maicosuel seguem fora, em recuperação. O esquema tático foi o 4-2-3-1 de sempre. O Flu usou o 3-4-3. 

PRIMEIRO TEMPO
A primeira etapa teve domínio do Fluminense, que controlava a posse de bola e rondava a área do adversário, mas não conseguia criar chances. O time paranaense era eficiente na marcação, mas não contra-atacava. A equipe carioca só conseguiu abrir o placar em um lance atípico. Everaldo chutou de fora da área. A bola rebateu em René Santos e sobrou para Marcos Junior. Ele ajeitou e Jadson fez 1 a 0, aos 37 minutos. Aos 38, Torito saiu lesionado. Entrou Jhony Douglas. Depois do gol, o time carioca teve facilidade para colocar a bola na área, ampliar o placar e exigir duas boas defesas do goleiro adversário. Aos 40, o Flu fez 2 a 0. Richard chutou de fora da área. A bola desviou na zaga e enganou o goleiro. 

SEGUNDO TEMPO
O Paraná voltou do intervalo com outra postura, tentando controlar o meio-campo e sair para o jogo. O esquema tático mudou para o 4-1-4-1, com Jhony Douglas como único volante. A linha de quatro tinha Silvinho (esquerda), Deivid (direita), Alex Santana (centro) e Juninho (centro). E o time levou mais um gol já aos 2 minutos. O Paraná perdeu a bola na defesa e Jadson fez 3 a 0. Aos 29, Claudinei promoveu a estreia do atacante Andrey, revelado nos juniores. Ele entrou no lugar de Deivid. Pouco mudou. O Flu fez 4 a 0 aos 40 minutos, com Luciano.

ESTATÍSTICAS
Em 90 minutos, o Paraná somou 8 finalizações (nenhuma certa), 30% de posse de bola, 76% de eficiência nos passes e 7 escanteios. O Flu arrematou 16 vezes (8 certas) e teve 70% de posse de bola, 92% de eficiência nos passes e 2 escanteios. Os dados são do Whoscored. 

FLUMINENSE 4 x 0 PARANÁ
Fluminense: Júlio César; Digão, Gum e Ibañez (Paulo Ricardo); Léo, Richard, Jadson e Ayrton Lucas; Marcos Junior (Daniel), Everaldo (Calazans) e Luciano. Técnico: Marcelo Oliveira.
Paraná: Richard; Leandro Vilela, René Santos, Jesiel e Mansur; Torito (Jhony Douglas) e Alex Santana; Deivid (Andrey), Silvinho e Juninho (Caio Henrique); Ortigoza. Técnico: Claudinei Oliveira
Gols: Jadson (37-1º e 2-2º), Richard (40-1º) e Luciano (40-2º)
Cartões amarelos: Mansur, Jhony Douglas (P). Léo (F). 
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Público: 6.223 pagantes
Local: Maracanã

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
1 – Deivid toca para Ortigoza, que cruza rasteiro. Na pequena área, Silvinho comete falta antes de alcançar a bola. 
22 – Léo cruza. Luciano cabeceia ao lado do gol.
37 – Gol do Flu. Everaldo chuta de fora da área. A bola desvia em René Santos e volta para Marcos Junior, que ajeita para Jadson fuzilar.
40 – Gol do Flu. Richard avança e chuta de fora da área. A bola desvia na zaga e engana o goleiro.
45 – Léo cruza. Luciano sobe sozinho e cabeceia no alto. Richard espalma.
46 – Everaldo cruza. Digão cabeceia. Richard defende.

Segundo tempo
2 – Gol do Flu.
Digão rouba a bola. Everaldo avança pela ponta e rola para Jadson, na área. Ele chuta e marca.
5 – Juninho tenta o passe em profundidade para Ortigoza. A defesa chega antes.
6 – Alex Santana chuta de fora da área. A bola vai para fora.
20 – Silvinho chuta de fora da área. A bola passa perto, ao lado.
23 – Escanteio. Gum cabeceia. Richard segura.
32 – Alex Santana chuta de fora da área. A bola passa perto.
40 – Gol do Flu. Daniel lança. Luciano recebe na área, gira e chuta no canto.

DESTAQUES DOS EDITORES