Publicidade
Lazer

Parque Tingui terá pista para caminhada e corrida toda iluminada

(Foto: Luiz Costa/SMCS)

Quem frequenta o Parque Tingui, no bairro São João, para a prática de corrida e de caminhada terá uma vantagem adicional, quando decidir praticar esportes à noite. O Departamento de Iluminação da Secretaria de Obras Públicas começou a implantar a estrutura necessária para a instalação de 226 postes no trecho de 4,5 quilômetros de ciclovia e também no estacionamento, próximo à Avenida Fredolin Wolf.

Nesta semana, a equipe da empresa contratada começou as escavações para passar a tubulação necessária à rede subterrânea. A partir da semana que vem, começa a colocação dos postes, que terão luminárias de LED de 70 watts. O serviço será concluído em até dois meses.

Nesta semana também começou o serviço na cancha da Praça Central da Vila Nossa Senhora da Luz, na CIC. O Parque Tingui e a praça da Vila Nossa Senhora da Luz estão entre os 125 espaços da cidade que receberão luminárias, projetores, postes e circuitos elétricos. São parques, praças, academias ao ar livre, canchas, quadras, ciclovias em todas as regiões da cidade.

Corredores como o microempresário Anderson Muraski, que pratica a corrida há três anos nos parques Barigui e Tingui, gostou de saber da novidade. "É positivo ter o Tingui iluminado. No Barigui dá para correr à noite. Aqui no Tingui é mais complicado porque tem um trecho com muitas árvores", observou Muraski.

Mais uma opção

A sócia da Assessoria Carbono, Suelen Pscheidt, diz que a iluminação é determinante para a escolha do local onde as atividades serão oferecidas. Ela explica que 75% dos alunos que praticam a corrida o fazem no período da noite, das 18h às 20h30.

"A gente busca os parques que têm mais estrutura, ou seja, banheiro, algum espaço coberto, estacionamento e iluminação, que é essencial para a segurança da prática mesmo. Uma pista iluminada permite que o corredor enxergue o local onde está pisando", explica Suelen.

Ela diz que atualmente as atividades são feitas no Barigui, no Jardim Botânico, no Passeio Público, no Parque Bacacheri e no Alto da XV. "Com o Tingui iluminado, ele passa a ser uma opção pelas suas características, pois tem mais subidas, trilhas, mata fechada, o pessoal gosta muito do Tingui", completa.

A profissional autônoma Marcia Santos, que mora em Santa Felicidade e costuma caminhar no Tingui diz que passou a frequentar o parque de dia porque tinha medo de caminhar à noite. "Prefiro fazer à noite porque o horário é melhor para mim. Mas estava ficando muito escuro, por isso, passei a vir de dia", conta Márcia, que observou a movimentação dos funcionários que estão trabalhando na iluminação do parque. "Vai ser bem melhor", disse.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES