Publicidade
Patrono das polícias

Polícias Militar e Civil do Paraná homenageiam Tiradentes neste sábado

Polícias Militar e Civil do Paraná homenageiam Tiradentes neste sábado
(Foto: Soldado Priscilla Carvalho)

O Patrono das Polícias Militares e Civis do Brasil, Joaquim José da Silva Xavier, foi morto na forca e esquartejado para servir de exemplo aos que se revoltavam contra os altos impostos cobrados pela coroa portuguesa que lesavam o povo. Ele tornou-se um herói brasileiro e na manhã desse sábado (21/04) uma cerimônia foi realizada na Academia Policial Militar do Guatupê (APMG), em São José dos Pinhais, em homenagem ao Dia de Tiradentes.

A Governadora do Paraná, Cida Borguetti, destacou a importância da data para todo o povo brasileiro. “Tiradentes defendeu o estado de direto e a liberdade, hoje deixamos o nosso registro de respeito a este homem que tornou-se Patrono das Polícias Civis e Militares do Brasil e tem na sua história o reconhecimento de homens e mulheres que diariamente lutam em prol da sociedade, defendendo a vida”, disse.

“Destaco a coragem de Tiradentes por lutar pelos ideais de liberdade e igualdade, o que se assemelha muito com a coragem dos nossos policiais militares e civis na defesa da sociedade paranaense. Tiradentes teve sua vida ceifada e hoje não é diferente, pois os policiais fazem um juramento de defender a vida do outro mesmo que isso custe a sua”, afirmou Secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, Júlio Reis.

Para a Comandante-Geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Audilene Rosa de Paula Dias Rocha, a solenidade em alusão ao Dia de Tiradentes traz na sua história a honradez e a luta pela liberdade e a não opressão do povo brasileiro. “Esta data tem relação com as polícias do Brasil e a nossa corporação não pode deixar passar em branco uma história de tanta luta”, disse.

A cerimônia iniciou-se com as honras militares e apresentação da tropa que foi feita pelo major Renato. Em seguida foi entoada a alvorada festiva em homenagem ao patrono cívico da nação brasileira e das Polícias Militares e Civis do Brasil. Uma coroa de flores foi depositada próxima a estátua de Tiradentes, na qual havia uma guarda de honra feita pelos cadetes da Escola de formação de Oficiais da APMG.

MEDALHAS - Durante o evento foi feita a entrega da Medalha Mérito Comunitário, a qual é destinada a militares, civis e entidades públicas e privadas que tenham se destacado em ações de mobilização comunitária, promoção de eventos sociais e desenvolvimento de projetos que visem a integração, inclusive entre a Polícia Militar e a comunidade.

“Aproveitamos a data para homenagear homens e mulheres que todos os dias vão à luta e defendem a população, promovendo os direitos humanos e dispostos a verter o sangue se necessário for pela defesa do cidadão”, acrescentou a coronel Audilene.

“É uma honra receber esta medalha que representa os trabalhos desenvolvidos pela Polícia Militar em prol do bem estar da sociedade. Fico feliz pelo reconhecimento. Fui a primeira comandante da UPS (Unidade Paraná Seguro) Uberaba e desde então continuo com as ações comunitárias em São José dos Pinhais para que as pessoas conheçam e estejam próximas da corporação”, afirmou a tenente Caroline Costa, agraciada com a Medalha Mérito Comunitário.

Também foi feita a entrega da medalha Policial Militar de ouro, prata e bronze aos militares estaduais que completaram 30, 20 e 10 anos de serviço ativo, respectivamente. A honraria foi criada pela Lei nº 1948 de 20 de março de 1920 e modificada pela lei nº 7776 de 13 de dezembro de 1983, destinando-se a recompensar os bons serviços prestados pelos policiais e bombeiros.

“É um orgulho muito grande saber que neste tempo de serviço o trabalho foi reconhecido. Nestes 30 anos buscamos combater a criminalidade e cultuamos a paz para sociedade. É uma satisfação fazer parte da historia deste instituição”, declarou o Chefe da Subseção de Implantação da Diretoria de Pessoal da PM, major Marcos Antônio Benetti, que foi agraciado com a medalha Policial Militar de ouro.

Participaram do evento a Governadora do Paraná, Cida Borguetti; o Secretário Chefe da Casa Militar da Governadoria, coronel Maurício Tortato; o Secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, Júlio Reis; o deputado estadual Rubens Recalcatti; a Comandante-Geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Audilene Rosa de Paula Dias Rocha; o Diretor-Geral da SESP, tenente-coronel Orlando Artur da Costa; o Delegado-Geral da Polícia Civil, Naylor Gustavo Robert de Lima; o Superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Adriano Marcos Furtado; representando o Superintendente da ABIN, coronel Luiz Augusto Santiago; representando o general Aléssio da 5ª Região Militar, coronel Éder Valério Pelegrini; o Subcomandante-Geral da PMPR, coronel Arildo Luis Dias; o Chefe do Estado Maior da PM, coronel Antônio Zanatta Neto; o Comandante do 1º Comando Regional da PM (1º CRPM), coronel Péricles de Matos; o Comandante do 6º Comando Regional da Polícia Militar (6º CRPM), coronel Chehade Elias Geha; o Direto de Apoio Logístico da PM, coronel João de Paula Carneiro Filho; o Diretor da Diretoria de Ensino e Pesquisa (DEP) e Comandante da APMG, tenente-coronel Mauro Celso Monteiro; o Diretor de Finanças da PM, coronel Valterlei de Mattos; o Chefe do Estado Maior do Corpo de Bombeiros da PMPR, coronel Edemilson de Barros; o Chefe da Diretoria de Desenvolvimento Tecnológico e Qualidade (DDTQ), coronel Everon César Puchetti; o Corregedor Geral da Polícia Civil, Jairo Amodio Estorilio; Delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Francisco José Batista da Costa; o coronel da reserva remunerada Daniel Cezar Maingué; o coronel da reserva remunerada Valdemar Kretschmer; o presidente Associação dos Oficiais Policiais e Bombeiros Militares do Paraná (ASSOFEPAR), coronel da reserva Isaías de Farias; o coronel da reserva remunerada Luiz Rodrigo Larson Carstens; o coronel da reserva remunerada Cesar Alberto Souza; o coronel da reserva remunerada Heraldo Régis Bório da Silva; o Presidente da Associação da Vila Militar (AVM), coronel Washington Alves da Rosa; representando o coronel Adashi do CINDACTA II, major Wallace; representando o general de divisão Carvalho, major Nakamura; o Coordenador das Câmaras Setoriais da Associação Comercial do PR, Nilton Campos, bem como oficiais e praças da Polícia Militar e convidados. 

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES