Publicidade

Programa gerador do DIRF 2020

O Programa gerador da Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte relativo aos rendimentos auferidos ao longo de 2019, encontra-se disponível no site da Receita Federal. Esse programa é necessário para que os empregadores forneçam à Receita Federal os dados que servirão de base para que os contribuintes façam a sua declaração de imposto de renda em março ou abril deste ano.

A entrega deste arquivo gera informações para a Receita Federal dos rendimentos que os contribuintes obtiveram ao longo do ano, e estas mesmas informações são fornecidas ao contribuinte para que o mesmo efetue a sua declaração de Imposto de Renda. As empresas que fazem a retificação dos dados transmitidos não podem deixar de informar aos seus empregados esta alteração, para que não ocorram informações errôneas que acabem gerando ao contribuinte “malha fina”.

Além da transmissão do imposto de renda retido na fonte das pessoas físicas, na DIRF também são informados os tributos retidos na fonte das notas fiscais de serviços, como o IRPJ, CSLL, PIS e COFINS, devendo o tomador destes serviços fazer a declaração de tais valores no mesmo arquivo.

As empresas que possuem planos de saúde para seus empregados devem informar os valores pagos pelo empregado e pela empresa nesta declaração. Os rendimentos isentos dos sócios, a título de lucros, também constarão na declaração.

O prazo final de entrega é no dia 28 de fevereiro para que os contribuintes, a partir de março, possam fazer a sua declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES