Publicidade
Comporte-se

Ressignificando os Cem Dias de Solidão na Quarentena

Antes de tudo, compreenda o que é solidão para você.
Antes de tudo, compreenda o que é solidão para você.

Como podemos lidar melhor com essa solidão de amigos, amores, da dita "vida normal" que tínhamos, sem entrar no trauma e no drama? A BBC BrasilEl País trouxeram recentemente matérias que falam sobre pessoas que chegaram no seu limite do isolamento social, e mesmo defensoras da quarentena, começarão a dar furtivas escapadas para conter essa ausência prolongada do contato social.

A fim de não entrar no lugar comum da reclamação, do comportamento automatizado, a terapeuta da DIMONDI, Patrícia Mara Sabatino, propõe reflexões e orientações, baseadas nas ferramentas terapêuticas (PNL-Programação Neurolinguística e Hipnose Clínica) para ressignificar esse quadro na pandemia.

Sobre a solidão - Entender o que é a solidão no isolamento social é o primeiro passo. Descobrir qual tipo de cada sensação dessas é um passo sobre nosso autoconhecimento, que nos leva ao esclarecimento e auto-controle. Mesmo parecendo difícil, é uma questão de permitirmos nos atualizar nesse mundo.

Superando os limites - Deixar claro que a quarentena ampliou os sentimentos que já tínhamos em nós: medos, inseguranças, ansiedade, derivado de crenças (aquilo que por cultura, meio e educação adquirimos e adotamos como "verdades" no decorrer da vida).

Essas sensações e comportamentos são típicos em qualquer situação de conflito ou de desafios e se aflora quando nos deparamos com esse desconforto.

Então é o momento para se fazer algumas perguntas: quem eu sou nessa situação? o que tenho feito para melhorar minha vida e daqueles no meu entorno? o que tenho feito para modificar a minha vida? o que eu quero no futuro? sou respeitado pelas minhas atitudes?

O papel das terapias - Agem diretamente no desenvolvimento pessoal e levanta ferramentas para essa "correção", a virada de chave cerebral para autonomia do ser. Muitas instabilidades emocionais são temporárias e permissão para trabalhar o processo com o terapeuta o torna mais dono da sua própria vida.

Patricia Mara Sabatino é terapeuta da Dimondi - Transformar e Realizar. Trabalha com ferramentas da PNL -Programação Neurolinguística e Hipnose Clínica.

Ronise Vilela - criativa de conteúdo da Dimondi.

Facebook Dimondi

Instagram @dimonditransformarerealizar

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES