Sem quórum, Congresso encerra sessão sem analisar vetos presidenciais

Sem quórum suficiente para uma sessão de deputados e senadores, o Congresso Nacional encerrou a sessão conjunta sem analisar os vetos presidenciais na pauta.

Entre as propostas, os parlamentares analisariam os vetos do presidente Jair Bolsonaro à minirreforma eleitoral, aprovada pela Câmara em setembro. Entre os pontos que podem ser alterados, está o que abre brecha para um aumento do fundo eleitoral a critério dos parlamentares.

O Congresso realiza uma nova sessão conjunta nesta quarta-feira, 27, às 10 horas.

Conforme o jornal O Estado de S. Paulo revelou na semana passada, os líderes partidários do chamado "Centrão", grupo de partidos formados por DEM, PP, PL, Republicanos e Solidariedade, travam as votações do governo até que o Palácio do Planalto libere as emendas parlamentares ainda não pagas pela votação da reforma da Previdência.