Publicidade
Curitiba

Servidores municipais podem parar no dia 29

Os servidores municipais de Curitiba podem parar no dia 29 de março, data de aniversário de Curitiba. A movimentação dos sindicatos dos servidores públicos e do magistério municipal já está em andamento, e é uma resposta à falta de proposta da Prefeitura quanto as negociações trabalhistas que se arrastam desde o fim do ano passado.
No dia 22 de março, a próxima terça-feira, que inicia a série de mobilizações na cidade é a Guarda Municipal, que promete parar por um dia e fazer panfletagem na Boca Maldita mostrando à população que a Prefeitura não cumpriu um acordo de elaborar o Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV).


No dia seguinte, todas as categorias dos servidores municipais realizam assembleias na Capital e preparam um ato para o dia 29 de março, quando se comemora o anviersário da cidade. Os guardas alertam que podem paralisar as atividades por tempo indeterminado neste dia, e as demais categorias pode seguir os guardas.
Dentre outras coisas, os guardas pedem um aumento no piso salarial que hoje é de R$ 1,3 mil. A operação padrão foi aprovada em assembléia da categoria no dia 11 de fevereiro e 70% dos servidores municipais não vão trabalhar na data que foi determinada. Além disso eenquadramento por tempo de serviço na nova tabela salarial, gratificação de risco de 50%, incorporação das horas extras e não às terceirizações na segurança pública.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES