Publicidade
Copa do Brasil

Técnico do Athletico comemora 'resultado muito positivo' em Fortaleza

Tiago Nunes
Tiago Nunes (Foto: Valquir Aureliano)

O técnico do Athletico Paranaense, Tiago Nunes, comemorou o empate com o Fortaleza, nessa quinta-feira (dia 16), pelas oitavas de final da Copa do Brasil. “É um resultado muito positivo em se tratando de uma competição de mata-mata”, disse. “Nossa equipe teve maturidade para entender o tipo de jogo que o Fortaleza estava tentando fazer. É um time (Fortaleza) que abdicou da bola e tentou o contra-ataque”, afirmou. “Mas está tudo aberto, nada definido. Tem muita coisa pela frente”, declarou.

Tiago Nunes comentou também sobre os desfalques (ele não conta com Thiago Heleno, Camacho, Jonathan, Madson e Marcelo Cirino) e a maratona de jogos em maio e junho. “É uma sequência muito difícil. É o calendário de uma equipe que conseguiu mudar de patamar. Precisamos de maior número de jogadores para aguentar. Para conseguir resultados, você precisa de performance regular. Agora é tentar priorizar uma competição ou outra. Vamos estudar isso junto com a direção”, explicou.

O treinador comentou sobre a desafio de montar a escalação em um momento como esse, com desfalques e jogos em sequência. “É um quebra-cabeça. Em alguns momentos vamos ter que pular a etapa de recuperação de jogadores, que não estão 100%. Provalvemente vão ter que jogar sem estar no melhor da sua condição. É importante que nosso torcedor entenda esse momento e apoie a equipe”, destacou.

Sobre o doping de Camacho e Thiago Heleno, Tiago Nunes explicou como está o ambiente no elenco. “A gente ficou muito triste. São jogadores que não têm nehhum tipo de culpa. Foram induzidos por um erro técnico. Todo mundo está muito sentido, sentindo a falta deles. E estamos na ansiedade, na expectativa para ver o que vai acontecer”, comentou.

DESTAQUES DOS EDITORES