Publicidade
Brasileirão

Técnico do Atlético critica arbitragem na derrota para a Chapecoense

Técnico do Atlético critica arbitragem na derrota para a Chapecoense
Tiago Nunes (Foto: Geraldo Bubniak)

O técnico do Atlético Paranaense, Tiago Nunes, criticou a atuação da arbitragem na derrota para a Chapecoense, por 2 a 1, nessa quinta-feira (dia 13). “A arbitragem instigou. O árbitro dizia o tempo inteiro que ia expulsar nossos jogadores. E inverteu muitas faltas. E me informaram que teve um lance muito duvidoso de pênalti em cima do Renan (Lodi)”, comentou, em entrevista coletiva.

Sobre a série de três derrotas do Atlético, Tiago Nunes tentou separar cada análise. “Cada derrota tem história diferente. Hoje falamos para os jogadores que seria jogo do coração, da disputa. E foi um jogo com pouca bola no chão e muito na força”, declarou. “Agora, cada vez mais, entender. Rever o jogo e conversar com os atletas para conseguir repetir fora de casa a performance que conseguimos em casa”, analisou.

Para o treinador, o time não recuou após a entrada de Rossetto no lugar do ponta Rony. “O Rossetto é meia de origem”, disse. “O Rossetto é um jogador de transição, com força ofensiva”, explicou. Tiago Nunes também defendeu o zagueiro Thiago Heleno das críticas. “Eu acho que o Thiago Heleno tem feito boas partidas. Naturalmente, por ser experiente e ter uma  história dentro do clube, ele é mais cobrado que os demais jogadores. Então, eu acho injusto colocar a responsabilidade das derrotas ou dos gols no Thiago (Heleno)”, afirmou.

DESTAQUES DOS EDITORES