Publicidade
Esportes

Tocha da Olimpíada Marista chega a Curitiba nesta sexta-feira

Tocha da Olimpíada Marista chega a Curitiba nesta sexta-feira

Desde o mês de agosto, a tocha da Olimar – Olimpíada Marista 2017, símbolo olímpico dos Colégios Maristas, passou por mais de 30 mil alunos e educadores dos Colégios Maristas do Grupo Marista. Nesta sexta-feira, 15 de setembro, é a vez do Colégio Marista Santa Maria receber a tocha, e no dia 18 de setembro, passará também pelo Colégio Marista Paranaense, ambas sedes da competição este ano.

Cerca de 2 mil alunos estarão reunidos em Curitiba (PR), disputando a Olimar, que acontecerá de 11 a 15 de outubro. E para aquecer o clima olímpico, a passagem da tocha será no Colégio Marista Santa Maria com a participação dos alunos do 8° e 9° ano do Ensino Fundamental II, que irão conduzir a tocha. Já a abertura será no ginásio de esportes da PUCPR, e o fogo da Tocha Olímpica acenderá a Pira Olímpica, que permanecerá acesa durante os jogos.

Ao todo, serão 18 colégios Maristas de diferentes regiões do Brasil, como São Paulo, Paraná Santa Catarina, Goiânia e Brasília, do TECPUC e dos colégios Maristas da América do Sul, como o Colégio Zorrilla de San Martin, no Uruguai, Colégio Marista Santa Maria, em Montevideo Uruguai, e os Institutos Maristas Rancagua e Curicó, ambos no Chile.

Nas quadras do Colégio Marista Santa Maria e em outros três locais (Colégio Marista Paranaense, Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR e  Universidade Federal do Paraná - UFPR) serão disputadas as modalidades de atletismo, basquete, dança, futsal, handebol, ginástica artística, ginástica rítmica, judô, natação, voleibol e xadrez. As provas masculina e feminina serão divididas em duas categorias: A (15 a 17 anos) e B (11 a 14 anos).

O evento, realizado a cada dois anos, é uma forma de fortalecer a amizade, a integração, a solidariedade e a sociabilidade entre os alunos e colaboradores dos Colégios do Grupo Marista, por meio do esporte. O esporte passa valores fundamentais para a formação de um cidadão completo e faz parte do jeito de educar Marista, afirma o coordenador de negócios da Diretoria Executiva da Rede de Colégios (DERC), Anderson Retechuki. 

DESTAQUES DOS EDITORES