Publicidade
Pets

Tutores de cães são mais felizes que os de gatos, mostra pesquisa

(Foto: Divulgação)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma pesquisa comprova e esquenta a polêmica: tutores de cães são mais felizes que os de gatos. O resultado integra levantamento feito em 2018 e divulgado recentemente pelo General Social Survey, projeto do Norc, centro de pesquisas da Universidade de Chicago (EUA).

Ao analisar dados sobre animais de estimação, os pesquisadores constataram que, quando se trata de felicidade, há pouca diferença entre pessoas que têm ou não pets e se dizem “muito feliz”. Porém, a diferença surgiu ao fazer a análise por tipos de animais de estimação —donos de cães, cães e gatos ou só gatos.

Enquanto 36% dos tutores de cães se disseram muito felizes, 18% dos tutores de gatos tiveram a mesma resposta. A pesquisa aponta ainda que pessoas sem animais de estimação são mais felizes que aquelas com gatos (32%), segundo o jornal The Washington Post.

Outros fatores, além da presença do pet, justificariam a felicidade, no entanto. Tutores de cães são mais propensos a se casar e ter suas próprias casas do que os de gatos, o que contribuiria para o sentimento.

Várias pesquisas colocam lenha na fogueira quando o assunto envolve gato e cachorro.

Uma delas, da Universidade Vanderbilt, aponta que cães têm mais neurônios do que gatos e, por isso, podem fazer coisas mais complexas. Outra, da Universidade de Kyoto, mostra que gatos são tão inteligentes quanto cachorros.

Apesar das pesquisas, quem em pet sabe que é fato: eles entendem nossas palavras e entonação, fazem bem à saúde e pessoas com problemas de saúde têm forte vínculo emocional com animais de estimação.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES