Publicidade
Câmara

Vereadores discutem multa de R$ 15 mil para quem promover festas clandestinas em Curitiba durante pandemia

Se a proposta for aprovada, festa clandestina pode render multa de R$ 15 mil ao proprietário do imóvel.
Se a proposta for aprovada, festa clandestina pode render multa de R$ 15 mil ao proprietário do imóvel. (Foto: Ernani Ogata)

A realização de festas clandestinas com caráter comercial, durante a vigência da emergência em saúde pública, poderá render multa de R$ 15 mil ao proprietário do imóvel. Isso é que prevê projeto de lei em tramitação na Câmara Municipal de Curitiba de autoria do vereador Professor Euler (PSD).

Segundo a proposta, enquadra-se como festa clandestina com finalidade comercial qualquer evento não autorizado pela prefeitura, no qual haja cobrança pela participação ou por bebidas e/ou alimentos. O texto também afirma que, caso o proprietário comprove não ser o responsável pela posse do imóvel, por meio de documentação adequada, a multa será aplicada ao possuidor do mesmo.

Leia mais no blog Política em Debate

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES