Publicidade
Prevenção

Viajantes que vão a países do hemisfério norte podem tomar vacina da gripe

Com o inverno no hemisfério norte, a Secretaria Municipal da Saúde orienta os viajantes a ficarem atentos aos sintomas da gripe. Até 30 de março, as 111 unidades de saúde da cidade ofertam a vacina da gripe (de 2017) para pessoas com viagem marcada a países do hemisfério norte. A vacina da gripe estará disponível enquanto durarem os estoques nas unidades de saúde.

De acordo com o diretor do Centro de Epidemiologia, Alcides Oliveira, a vacina do ano passado oferece proteção para algumas cepas circulantes no hemisfério norte. Por isso, estamos abrindo essa possibilidade para quem não se vacinou no ano passado e está com viagem marcada. A indicação é se vacinar para evitar adoecer ao longo da viagem e não retornar doente pela gripe, explica Oliveira.

Sintomas

A gripe é uma infecção viral que afeta principalmente o nariz, a garganta, os brônquios e, ocasionalmente, os pulmões. A infecção dura cerca de uma semana e é caracterizada por início repentino de febre alta, músculos doloridos, dor de cabeça, mal-estar grave, tosse sem secreção e dor de garganta.

O vírus é transmitido facilmente de pessoa a pessoa por meio de gotículas e pequenas partículas produzidas quando infectados tossem ou espirram. A doença tende a se espalhar rapidamente em epidemias sazonais, mas a maioria das pessoas infectadas se recupera em até duas semanas, sem necessidade de tratamento médico. 

No entanto, em jovens, idosos e naqueles com outras condições médicas graves, a infecção pode levar a complicações graves, à pneumonia e até à morte. Por isso é importante ficar atentos aos sintomas e procurar orientação médica, diz Oliveira. 

     

DESTAQUES DOS EDITORES