Cléo Busatto (2)

De Curitiba para a Itália

23 março, 2017 às 18:21  |  por Rafaela Salomon

A escritora catarinense Cléo Busatto, radicada em Curitiba há 18 anos, estará na Itália para o lançamento do seu novo livro “O tempo das coisas”, da Cria Editora. A autora é uma das convidadas da Feira do Livro de Bolonha – maior feira de livros infantojuvenis do mundo, que acontece nos primeiros dias de abril na Itália e recebe editoras do mundo inteiro para conhecer as obras e seus autores.

Além do evento em Bolonha, a escritora foi convidada para participar do projeto “Português como língua de herança (POLH)”,que apoia a expansão do vocabulário da língua portuguesa para as crianças que vivem no exterior, tornando o idioma uma herança linguística para os pequenos. O roteiro prevê três dias na estrada e passagens por Valdobbiadenne, Verona e Rovigo. O projeto está presente em vários países da Europa.

Postado:Rafa Salomon

₢ Marcio Tibilletti - 2015

Bárbara Trevisani lança 8 tipos de ovos de chocolate belga na Páscoa

23 março, 2017 às 17:51  |  por Rafaela Salomon

Com a crise enfrentada por muitos setores da indústria, investir em produtos artesanais têm sido a saída cada vez mais frequente. O que não significa deixar de lado a qualidade dos produtos. No atelier de Bárbara Trevisani é assim que funciona. “Temos uma linha de produção artesanal, com doces finos, preços justos e os melhores chocolates belgas do tipo callebault”, conta o chef Paulo Trevisani (foto). A previsão para a Páscoa 2017 é de um crescimento de 12% nas vendas em comparação com o ano passado.

Ao todo Bárbara, Paulo e equipe trabalham para colocar no mercado oito tipos de ovos de chocolate belga recheados e uma linha completa de bombons finos durante a Páscoa. O trabalho é realizado em três turnos no atelier, que fica no Novo Mundo. No segundo semestre o trabalho não para, já que o local vai servir de base para as aulas que o chef vai começar a ministrar para profissionais da área de patisserie.

 

Crédito – Márcio Tibillete

Postado Rafa Salomon

boti

Últimos dias para concorrer às 500 maletas de maquiagem da coleção Modern Asia, de O Boticário

23 março, 2017 às 16:45  |  por Rafaela Salomon

Quem adora maquiagem não pode perder essa chance. Termina no próximo domingo (26), o prazo para concorrer ao sorteio de 500 maletas com produtos Make B., inclusive itens da coleção Modern Asia, do Boticário.

Para participar do concurso, basta comprar um item da linha Make B. nas lojas O Boticário, incluindo a coleção Modern Asia. Inspirada no brilho do Oriente, a linha conecta as consumidoras às últimas novidades do mundo da beleza, aliando tecnologia, sofisticação e o brilho da Ásia Pop para deixar a mulher brasileira um passo à frente nas tendências desse universo.

Confira o regulamento do concurso no site oboticario.com.br/promocaomakeb. Os sorteios são semanais, certificados pela Caixa Econômica Federal, nº 4-3443/2016. Ficam fora da promoção kits de edições limitadas e coleções anteriores.

O Boticário

O Boticário é uma empresa do Grupo Boticário. Inaugurado em 1977, em Curitiba (Paraná), tem hoje a maior rede franqueada de cosméticos do Brasil, com 3.760 pontos de vendas em cerca de 1.750 cidades brasileiras e mais de 900 franqueados. Líder no mercado de perfumaria, segundo o Instituto Euromonitor, seus produtos têm preços acessíveis, sofisticação e tecnologia de ponta. São mais de 850 itens, entre maquiagem, perfumaria e cuidados pessoais, como cremes, protetores solares, loções, desodorantes, shampoos, sabonetes, entre outros.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone do Centro de Relacionamento com o Cliente O Boticário – 0800-413011 (chamada gratuita) – ou pelo site www.oboticario.com.br

 

Postado Rafa Salomon

Jorge Costa Oliveira

Ministro português busca aproximação comercial em Curitiba

22 março, 2017 às 17:28  |  por Maximilian Santos

O WTC Curitiba promove nesta segunda-feira (27) na Fiep (Jardim Botânico) o evento “Internacionalização como saída? – O acordo Portugal 2020 como porta de entrada na Europa”, com a presença do secretário de Estado da Internacionalização de Portugal, Jorge Costa Oliveira.

O objetivo é estreitar as relações comerciais entre empresários paranaenses e o mercado lusitano, a partir do acordo Portugal 2020 – que a União Europeia promove desde 2014 para estimular o desenvolvimento econômico, social e sustentável do país ibérico num prazo de seis anos.

Com apresentações do administrador Luis Castro Henriques, do Aicep Portugal Global, de Gonçalo Almeida, sócio da AD Sociedade de Advogados, e de Carla Maia, CEO da GO Engenharias, o evento abordará incentivos em inovação produtiva, Golden Visa e M&A.

A iniciativa marca o início da nova gestão do WTC Curitiba e WTC Joinville, presididos pelo empreendedor Josias Cordeiro da Silva em sociedade com os executivos Vanderlei Palhano, Rui Francisco de Paula, Gilmer Solis e Sandro Vieira. Fundada nos Estados Unidos pela família Rockefeller nos anos 1960, a sigla WTC (World Trade Center) é mundialmente conhecida como sinônimo de solidez e fomento de grandes negócios, contando com uma rede de 330 escritórios em 110 países.

 

Editado por Maximilian Santos.
Crédito da foto: Divulgação.

 

 

CRM Renata

Na contramão da crise, Grupo CRM amplia portfólio para a Páscoa e abre mais de 500 vagas temporárias

22 março, 2017 às 17:03  |  por Rafaela Salomon

O Grupo CRM apresenta grandes novidades para a Páscoa 2017. Diferente de outras marcas de chocolate do Brasil, a companhia apostou em muitos lançamentos para a data, que representa até 30% de seu faturamento. São 13 novos produtos para Kopenhagen e 14 para Chocolates Brasil Cacau.

Assim como o setor, o Grupo CRM também está otimista. Prevê um crescimento de até 10% em volume de vendas em relação à Páscoa de 2016. Para se adaptar ao cenário de crise, a empresa trouxe uma grande variedade de produtos com diferentes faixas de preço para atender as necessidades dos consumidores. “Nosso objetivo é fazer com que todos tenham uma Páscoa deliciosa e cheia de momentos inesquecíveis. Por isso, criamos para as nossas marcas opções de presentes que atendem a consumidores de diferentes perfis econômicos”, afirma Renata Moraes Vichi, vice-presidente do Grupo CRM.

Neste ano, o Grupo CRM produzirá até 3 milhões de ovos, cerca de 1.500 toneladas de chocolate. Para atender a alta demanda da data, a empresa abrirá mais de 500 vagas temporárias, sendo 370 para a fábrica e 152 para as lojas de São Paulo, do Rio de Janeiro, de Belo Horizonte, de Brasília, de Porto Alegre e de Curtitiba. Os interessados podem se inscrever no sites das agências WCAFênixEJSertecRandstadLuandreGlobal e Labore.

Portfólio maior e novas embalagens - Para Kopenhagen, o foco de comunicação da Páscoa serão as linhas Língua de Gato, clássica e queridinha do público, com ênfase na opção trufada e os lanlçamentos da linha Dessert: ovo Bem-Casado e o ovo Suflê de Chocolate. Já para Chocolates Brasil Cacau, os produtos de maior destaque são as linhas trufadas e recheadas, como as opções ovo Cookies and Cream e ovo Creme de Avelã. Para completar o portfólio, as marcas também apostaram em produtos funcionais, infantis, combos e lembranças com a cara da Páscoa. As embalagens também estão de cara nova. O objetivo foi rejuvenescer as marcas e criar uma comunicação mais atraente e clean.

Para conferir os todos lançamentos de Kopenhagen e Chocolates Brasil Cacau, acesse o Media Center das marcas no site da PROS.

Grupo CRM - No mercado de chocolaterias, a sazonalidade é uma característica pulsante, por exemplo, a Páscoa chega a registrar vendas equivalentes há três meses comuns. Para garantir a frequência do consumidor, as lojas do Grupo CRM, nas datas comuns, lançam campanhas publicitárias e promocionais, que são feitas para assegurar um faturamento diferenciado da média mensal.

Toda a ascensão não seria possível caso não houvesse uma infraestrutura arrojada, fabril e administrativa. Em 2010, o Grupo CRM inaugurou uma fábrica em Extrema, sul de Minas Gerais, a pouco mais de cem quilômetros da capital paulista. De lá para cá, no espaço de 33 mil metros quadrados a produção praticamente dobrou, graças aos investimentos da ordem de mais de R$ 70 milhões feitos em equipamentos e novas benfeitorias. Obras também foram iniciadas em 2014, com o objetivo de concluir a terceira fase de expansão com um centro de distribuição 100% automatizado.

Para atender a grande demanda, foi adquirido o programa SAP, contribuindo para a criação de processos internos e facilitando o fluxo e a definição do escopo das atividades de cada departamento. Já na fábrica, o esforço foi no sentido de promover programas de treinamento e incentivo, iniciativas que têm contribuído para a redução de turnover. Hoje o Grupo CRM conta com 820 colaboradores na fábrica, 120 na sede administrativa em São Paulo e mais de 240 nas 28 lojas próprias das marcas.

 

Editado por Rafa Salomon.
Crédito da foto: Divulgação.

 

 

 

BernardoThomaz_bellagula

Bella Gula contrata consultoria americana para dar a largada no projeto de internacionalização da marca

21 março, 2017 às 17:15  |  por Rafaela Salomon

A rede de franquias Bella Gula fechou contrato com a Boston Innovation Gateway, uma importante consultoria americana especializada na aceleração de entrada de marcas internacionais para dar seguimento ao plano de internacionalização da marca. A empresa americana tem como foco a expansão de mercado através da inovação e já testou este modelo com sucesso em mais de 500 empresas.

Uma das estratégias que será usada para a empresa gaúcha desbravar o mercado dos Estados Unidos é a plataforma de mercado Innovation Olympics. A Bella Gula participou de uma competição que envolveu empresas do mundo inteiro interessadas em ideias inovadoras, seja para lançar um produto ou expandir os seus horizontes. A rede de confeitarias foi selecionada para participar da plataforma de inovação, e a partir de agora conta com suporte de estudantes de cinco universidades dos Estados Unidos – entre elas, Harvard – para organizar seus negócios no país.

“Ficamos muito empolgados com a possiblidade do nosso projeto ser pensado e estudado pelas melhores cabeças do mercado de negócios americano”, conta Bernardo Thomaz, diretor da Bella Gula. Universidades dos estados de Massachusetts (Hult, Brandeis e Harvard), Flórida (Tampa) e Carolina do Norte (Duke) terão grupos de alunos de graduação e pós-graduação em business desenvolvendo a pesquisa de mercado e o plano de negócios da empresa brasileira em solo americano. “A ideia é fazer a pesquisa de mercado nessas cinco regiões diferentes dos Estados Unidos para aumentar a chance de sucesso e entender melhor o mercado que a Bella Gula está desbravando”, diz Manuel Mendes, diretor-executivo da consultoria americana e que está à frente do processo de expansão.

A expectativa é que em março de 2018 a primeira loja Bella Gula na terra do Tio Sam esteja em funcionamento. Em três anos, a rede de franquias espera ter quatro lojas próprias e começar a expandir por todo o território americano via franchising. “Estamos com o espírito aberto para, se for necessário, adaptar o nosso negócio ao gosto dos americanos”, explica Thomaz. A ideia de crescimento da rede de franquias abrange também o Brasil. “A nossa meta é abrir pelo menos dez novas lojas em 2017 e o foco será fortalecer a marca Bella Gula no interior do Rio Grande do Sul e nas capitais onde já temos uma semente plantada, como Florianópolis, Curitiba, São Paulo e Brasília”, complementa o diretor.

A Bella Gula é a maior rede de tortaria e café da Região Sul do Brasil. A empresa, que atualmente conta com 31 lojas, foi fundada em 1993 pelo casal Bernardo e Daniela Thomaz, e começou o seu processo de expansão via franchising em 1999. O mix da Bella Gula contempla gastronomia, confeitaria e cafeteria com uma ampla variedade de produtos artesanais de altíssima qualidade.

Além da marca Bella Gula, que tem como foco a megatendência mundial da sensorialidade e prazer, com seus dois formatos de franquia – “Tortaria & Café” e “Restaurante & Tortaria” – Bernardo Thomaz tem também outro know how, através de sua segunda marca, Balanceado, uma rede de alimentação saudável, que está ancorada na tendência global da saudabilidade e bem-estar. “É essa experiência no mercado de varejo de alimentos que pretendemos aplicar no potente e promissor mercado dos EUA”.

Em Curitiba é possível encontrar as delícias da Bella Gula no Shopping Mueller (Av. Cândido de Abreu, 17, Centro Cívico – Piso L1 – subsolo – quiosque 031). As encomendas de tortas inteiras podem ser feitas pelo telefone (41) 3026-5330. Para mais informações: http://www.bellagula.com.br.

 

Sobre a Bella Gula:
A Bella Gula é a maior rede de tortaria e café da Região Sul do Brasil. Atualmente a empresa gaúcha conta com mais de 30 lojas nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Distrito Federal. Foi fundada em 1993 pelo casal Bernardo e Daniela Thomaz, e começou o seu processo de expansão via franchising em 1999. O mix da Bella Gula contempla gastronomia, confeitaria e cafeteria que possui uma ampla variedade de produtos artesanais de altíssima qualidade.

 

Serviço:
Bella Gula
Onde? Bella Gula – Shopping Mueller – Av. Cândido de Abreu, 127, Centro Cívico – Piso L1 / subsolo (quiosque 031)
Informações: (41) 3026-5330

http://www.bellagula.com.br

 

Postado Rafa Salomon

fb-ricardoamorim05_20091014171340

Palestra de Ricardo Amorim abordará crise e otimismo sobre o Brasil

21 março, 2017 às 16:52  |  por Rafaela Salomon

O economista Ricardo Amorim estará em Curitiba no próximo dia 5 de abril para ministrar a palestra “Depois da Tempestade – Saindo da Crise” no Pequeno Auditório do Teatro Positivo, às 19 horas. Amorim vai abordar a atual crise que gerou um grande pessimismo sobre o futuro do Brasil e como o país chegou à mais profunda recessão em um século. Ele discorrerá sobre os erros que levaram à crise, como e porque a recuperação econômica surpreenderá os brasileiros. Além disso, irá apontar como sustentar essa recuperação inicial e as lições e o legado da crise brasileira.

Otimista convicto, em seu livro “Depois da Tempestade” Amorim afirma “que uma das coisas mais graves que essas crises conseguiram fazer conosco foi nos convencer que esse país não tem jeito. Como eu estou convencido do contrário, eu resolvi escrever um livro”. Apresentador do Manhattan Connection, da Globo News, o livro do economista recebeu a análise de seu colega e também apresentador do programa,  jornalista Lucas Mendes: “Depois da Tempestade é um arco íris de bom senso, informações, análises e previsões que anunciam um Brasil próspero. O pote de ouro do Ricardo Amorim”.

“Estamos inseridos em um cenário econômico em que devemos entender como prosperar na crise e quais as oportunidades de negócio que ela traz.  É por meio de debates com lideranças como o Ricardo Amorim que podemos compreender melhor o cenário em que estamos inseridos, bem como construir um Brasil melhor, mais justo e desenvolvido”, complementa o gerente de Marketing da Editora Positivo, Fabricio Almada.

Ricardo Amorim é considerado uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil pela revista Forbes Internacional e o único brasileiro incluído na lista dos mais importantes e melhores palestrantes mundiais do Speakers’ Corner. Ele tem uma leitura clara e objetiva de grandes tendências e transformações futuras da economia mundial e brasileira. Há anos, Amorim profere palestras sobre economia no Brasil e no exterior, incluindo os Estados Unidos, Europa, Japão e América Latina.

A palestra “Depois da Tempestade – Saindo da Crise” é uma realização da Araçá Eventos, de Curitiba. Tem o patrocínio de Justen, Pereira Oliveira & Talamini Advogados, Ativa Investimentos, Personaliza Turismo, com o apoio da Editora Positivo, Isabela França Comunicação e Nomaa Hotel. Os ingressos para a palestra estão à venda no Diskingressos pelo telefone 41 3315-0808 ou pelo site www.diskingressos.com.br

Postado Rafa Salomon

imagem_release_897040

Opinião S/A – Mudanças na área tributária podem interferir no dia a dia dos brasileiros

21 março, 2017 às 16:43  |  por Rafaela Salomon

Marco Aurélio Pitta*

Nas últimas semanas, as siglas PIS, COFINS e ICMS tem despertado muita atenção de contadores, tributaristas e empresários em geral. Isso porque três fatos importantes aconteceram. O primeiro é o posicionamento oficial sobre a tributação de livros digitais, o segundo é a exclusão do PIS e COFINS na base de cálculo do ICMS e, por último, as mudanças propostas pelo Governo da sistemática do PIS e COFINS. Tais modificações podem atingir de forma significativa a população em geral. Veja os efeitos práticos:

1. Dado que está definido que não há tributação dos livros eletrônicos, haverá redução de preço destes produtos para a população? Empresas do ramo já adiantaram que não haverá mudança nos preços, pois essa imunidade já estava precificada…

2. Excluir o ICMS da base de cálculo do PIS e COFINS nas vendas pode quebrar o caixa do Governo? Quais estes impactos para a economia dado o déficit atual da União? E se isso valer daqui para frente (modulação)? Os preços dos produtos em geral irão aumentar? São 20 anos de brigas judiciais nesse tema. Mais de 10 mil processos com esse pedido só nos últimos 5 anos. Estima-se que o Governo deveria devolver às empresas R$ 250 bilhões de reais, mas tentará reverter a decisão para início da nova sistemática só em 2018. Será que isso vai acontecer?

3. Reduzir a arrecadação do PIS e COFINS prejudica políticas públicas de seguridade social? Como contribuição, ambas, pelos princípios constitucionais, têm destinação certa. Isso quer dizer que a arrecadação vai diretamente para financiar a Seguridade Social, ou seja, áreas fundamentais, como a Previdência Social, Assistência Social e Saúde Pública. Dessa forma, menor arrecadação significa menos recursos para custear a política social do trabalhador, como seguro desemprego e abono, por exemplo.

4. A mudança da sistemática de cálculo do PIS e COFINS irá prejudicar as empresas do setor de serviços? De novo, aumento de preços vem por aí? Segundo Meirelles, atual ministro da Fazenda, o objetivo é simplificar e melhorar. De fato, isto é uma verdade. São mais de 75 leis vigentes que demonstram as regras sobre estes dois tributos. As entregas de obrigações acessórias ligadas a esses tributos fazem os contadores, tributaristas e financeiros trabalharem dobrado, com tributos da mesma natureza. Um retrabalho que não agrega valor para a sociedade. Simplificar esta sistemática poderia trazer benefícios.

Hoje são várias sistemáticas e diferenciações de cálculo, alternando conforme o segmento em que a empresa atua. A nova forma de cálculo desses tributos sugere a tomada de créditos nas compras e débitos nas vendas. Similar ao ICMS. Porém, isso deve prejudicar empresas do setor de serviços, pois estas têm, em boa parte de suas despesas, gastos com pessoal, que não permite créditos. Por isso, empresas do setor de serviços têm muito receio das mudanças. E, por isso, pode haver aumento de preços nos setores da economia, o que acaba prejudicando a todos.

Este é um ano decisivo para o Governo. Queda do PIB e arrecadação prejudicam e muito a imagem da gestão atual. E será feito de tudo para estes problemas não ocorrerem novamente. Criar um novo tributo é mais difícil do que mudar os tributos atuais. Por isso, entendo que o Governo usará deste artifício para melhorar sua arrecadação. Não tem outro jeito. Contadores, tributaristas e empresários, bem como toda a população devem ficar de olho nos próximos passos do Governo e do Judiciário, nas próximas semanas. Essas mudanças com certeza mudarão, direta ou indiretamente, a vida da população em geral.

*Marco Aurélio Pitta é gerente de contabilidade e tributos do Grupo Positivo, coordenador e professor de programas de MBA da Universidade Positivo nas áreas Tributária, Contabilidade e Controladoria.

 Postado Rafa Salomon

11483606032017_0034__MG_0485_NJR

Warung Day Festival na Party at the mall

16 março, 2017 às 18:02  |  por Rafaela Salomon

O ParkShoppingBarigüi fechou uma parceria inédita com o Warung Day Festival, do Warung Beach Club, de Itajaí (SC), para a quinta edição da Party at the mall. O festival do renomado club de música eletrônica da Praia Brava terá um longe exclusivo na festa que acontece no dia 30 de março. O evento compõe o calendário de moda e tendências, movimentando os corredores do shopping com atrações especiais e muita promoção.

 

Na foto, Patrik Cornelsen, da Planeta Brasil (à esq.), Silvia Pires Omairy, gerente de marketing do ParkShoppingBarigüi, e Gustavo Conti, do Warung Beach Club.

 

Postado Rafa Salomon

Mostra Casa Black 1

Black Home Design promove a segunda edição da Mostra Casa Black

16 março, 2017 às 17:44  |  por Rafaela Salomon

A segunda edição da Mostra Casa Black já está com data confirmada de abertura no próximo dia 30 de março. A mostra de decoração é promovida pela Black Home Design, com a participação de 15 reconhecidos profissionais da arquitetura, decoração e do paisagismo, que assinarão diferentes espaços, apresentando as principais tendências do mercado do décor. Entre os confirmados estão Camila Bruzamolin; Carla Freitag; Carla Kiss; Cris Maciel e Sony Luczyszyn; Deise Watanabe; Diego Miranda e Zeh Pantarolli; Felipe Saia e Gleidson Silvério; Fernanda Jung; Francisco Kozovits; Jordana de Fraga e Gustavo de Fraga; Priscila Mileke; Samara Barbosa; e Wolfgang Schlogel.

Em um espaço de 800 m², o evento, que conta com a curadoria da designer Maria Alice Berndt, apresentará propostas que vão desde o clássico ao conceitual, com tendências internacionais e peças assinadas por famosos nomes nacionais do design de mobiliários, como Bruno Faucz, Fabrício Roncca,  Pedro Mendes, Marcelo Ligieri . Além disso, a Mostra Casa Black 2017 levará aos visitantes, as últimas tendências do mercado mobiliário, design diferenciado e valorização dos profissionais e fornecedores locais, que mostram todo seu talento e competência nos temas dos espaços que pretendem apresentar e na identidade dos mobiliários escolhidos.

 


Crédito da foto:
 Vaneska Vipieski.

 

Serviço:
Mostra Casa Black 2017
Data: Coquetel para convidados – 30 de março.
Abertura para o público – 31 de março.
Local: Black Home Design (Av. Manoel Ribas, 4.824 – Santa Felicidade).
Informações: (41) 3503-766

Facebook: @blackhomedesign

Postado Rafa Salomon