Suspeito de roubo de carro tenta fugir, mas é preso em Matinhos

23 novembro, 2017 às 12:20  |  por Redação Bem Paraná
carroroubado

Um homem foi preso e dois veículos roubados foram recuperados por policiais civis da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba, em uma ação em Matinhos, no Litoral do Estado. As investigações que culminaram com a ação foram iniciadas há dois meses e levaram as equipes até um suspeito que estava em posse de um veículo Honda Civic, roubado no Bairro Mossunguê, no dia 30 de outubro. A equipe avistou o veículo com dois homens que seguiram sentido ao Litoral, e foram acompanhados taticamente.

 
Já em Matinhos, durante a tentativa de abordagem ao Civic, o condutor empreendeu fuga. De acordo com a polícia, ele fugiu em alta velocidade e desrespeitando a sinalização de trânsito. Em determinado momento, o suspeito parou em frente a uma residência, abandonou o Civic e roubou uma Ecosport. Este veículo estava equipado com um dispositivo que corta a alimentação de combustível e ele parou poucos metros adiante. Nilton Machado Junior, de 30 anos, foi preso em flagrante. O outro homem conseguiu correr e entrar em meio a um matagal.
Dando sequência a ação, a equipe avistou nas proximidades outro veículo com registro de roubo em Curitiba. Desta vez, um Renault Logan roubado em 29 de agosto, no Bairro Capão Raso. O condutor fugiu ao perceber a presença da polícia. Poucos metros depois ele bateu o veículo contra um muro, abandonou o carro, mas conseguiu fugir.
Ainda segundo os policiais, os dois homens são suspeitos de integrar o grupo criminoso, que roubava veículos em Curitiba, adulterava os sinais identificadores e possivelmente se deslocavam até o Litoral para esperar a situação “esfriar”. Depois os carros eram usados em outros crimes.
O preso, que já tinha passagens por roubo de carga em Campina Grande do Sul e tinha um mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça de Santa Catarina, foi autuado por roubo agravado e recolhido à cadeia pública de Matinhos. Os três carros também foram recolhidos na Delegacia de Matinhos, sendo a Ecosport devolvida ao proprietário e os outros dois veículos, o Civic e o Logan, encaminhados para a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba, onde serão periciados e devolvidos aos proprietários.

 

 

Suspeito de homicídio no interior do Paraná é preso no Alto Boqueirão

23 novembro, 2017 às 12:19  |  por Redação Bem Paraná

presohomicidio

Um homicídio consumado e tentado foi esclarecido na manhã de quarta-feira (22/11), durante uma ação conjunta realizada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Curitiba e a Delegacia de Paiçandu. Alexandre Andrade Motta, de 22 anos, foi preso pela polícia na favela da Vila Nova, bairro Alto Boqueirão, capital, suspeito do crime.

A polícia chegou até o jovem após uma sequência de investigações realizadas pela Delegacia de Paiçandu, que solicitou o apoio da DHPP para o cumprimento do mandado de prisão expedido contra o investigado. O homem residia em Curitiba há cerca de dois anos.

Continuar lendo

Motorista de ônibus é esfaqueado durante arrastão no Alto da Glória

23 novembro, 2017 às 12:18  |  por Redação Bem Paraná

Um motorista de ônibus de 61 anos da linha Higienópolis foi esfaqueado no pescoço na noite de quarta-feira (22) no bairro Alto da Glória, em Curitiba, durante arrastão. De acordo com informações das testemunhas repassadas à Polícia Militar, dois rapazes entraram no ônibus, que seguia do Centro para o Bairro Alto, e na que cobria folga de outro, foi esfaqueado na noite desta quarta-feira (22) no bairro Alto da Glória, em Curitiba. De acordo com testemunhas, dois jovens entraram no ônibus no Centro de Curitiba. Quando o ônibus chegou na esquina das ruas Marechal Deodoro com Ubaldino do Amaral, no Alto da Glória,  deram voz de assalto.

O motorista não reagiu, mas mesmo assim foi golpeado quando dois assaltantes entraram no coletivo.  Vários passageiros tiveram dinheiro e celulares levados pelos bandidos. O motorista, que levou duas facadas,  foi atendido pelo Siate, mas não precisou ser encaminhado ao hospital.

O caso está com a Polícia Civil, que já pediu imagens das câmeras de monitoramento da região para identificar os dois assaltantes.

Posto clandestino em Paranaguá é desmantelado pela Polícia

22 novembro, 2017 às 14:35  |  por Redação Bem Paraná

postoparanagua

Em uma operação conjunta, agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Civil do Paraná estouraram um posto de combustíveis clandestino em Paranaguá, litoral do estado, no final da manhã desta quarta-feira (22).

No local onde funcionava o estabelecimento clandestino, cinco pessoas foram presas em flagrante. Três dos presos faziam parte do esquema criminoso. Outros dois estavam comprando combustível desviado. Os policiais apreenderam R$ 46,2 mil em dinheiro, escondidos dentro de um galpão, além de grande quantidade de carga.

Outras cinco pessoas com participação no esquema foram presas em um segundo local, onde as cargas eram desviadas.

Os presos responderão, a princípio, pelos crimes de formação de quadrilha, receptação e por crimes ambientais, entre outros.

Conforme o artigo 56 da Lei de Crimes Ambientais, quem guarda, transporta ou armazena substância tóxica em desacordo com as normas em vigor está sujeito a pena de um a quatro anos de prisão. O artigo 60 da mesma lei prevê até um ano de prisão para o responsável por estabelecimento potencialmente poluidor que não tenha seu funcionamento autorizado pelo poder público.

Há algumas semanas, a PRF havia recebido uma denúncia anônima de que motoristas de caminhão estavam desviando cargas de combustíveis e de óleo vegetal nas imediações do Porto de Paranaguá.

Os caminhoneiros desviavam parte das cargas em um pátio de estacionamento. O combustível era estocado em bombonas, e posteriormente encaminhado para ser revendido no posto clandestino. Já o óleo vegeral era desviado através de um caminhão-tanque para um destino ainda desconhecido.

Na cabine de um dos caminhões, os agentes constataram a existência de dez galões cheios de água, que provavelmente seriam utilizados para completar o compartimento de carga, após parte de seu conteúdo ser desviada.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Civil em Paranaguá.

A ação realizada nesta quarta-feira (22) faz parte da Operação Égide da PRF, cuja fase atual no Paraná foi iniciada no último dia 13, na região metropolitana de Curitiba. Além de combater crimes nas regiões de fronteira, a operação também busca combater a criminalidade nos principais trechos de rodovias federais do país.

Além da área de inteligência da PRF, a ação envolveu a Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas e a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente da Polícia Civil.

Tentativa de assalto deixa um morto e um ferido em Pinhais

22 novembro, 2017 às 10:25  |  por Redação Bem Paraná

Um suspeito de assalto morreu na manhã desta quarta-feira (22) em Weissópollis, em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba. Segundo informações da polícia, ele e mais dois homens tentaram assaltar um comércio, mas foram surpreendido por um policial militar e reagiram.

Um outro menor que participava do crime foi baleado e encaminhado ao hospital. O terceiro suspeito fugiu do local.

PM aprende 414 quilos de maconha e fuzil no Tatuquara

22 novembro, 2017 às 07:46  |  por Redação Bem Paraná
PM

PM

414 quilos de maconha (dividida em tabletes) e um fuzil 556 foram apreendidos por policiais militares da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (RONE) do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) na noite desta segunda-feira (21/11) no bairro Tatuquara, região Sul de Curitiba. De acordo com informações da equipe policial os envolvidos tentaram suborná-la com drogas.

Os policiais da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (RONE) abordaram um veículo HB20 no bairro Novo Mundo após denúncias de que lá estaria havendo transação de drogas. “Neste carro foram encontrados aproximadamente 3 quilos de maconha e R$58,00 em dinheiro. O condutor, de 26 anos, foi identificado e tentou barganhar com a equipe para ser liberado”, informou o oficial de Relações Públicas do BOPE, tenente Paulo Alexandre.

Continuar lendo

Homem é preso suspeito de se passar por oficial da PM e extorquir comerciantes

21 novembro, 2017 às 14:46  |  por Redação Bem Paraná

malandro1

Os investigadores Fabricio e Silvio em 13° DP receberam a denúncia de que um homem tinha se intitulando oficial da PM e extorquindo comerciantes da região do bairro Umbará, Tatuquara e outros.

Nesta terça-feira, em diligências na rua Cascavel, no bairro Boqueirão, lograram êxito em encontrar tal indivíduo que foi abordado pelos policiais, e que para não ser preso, ofereceu R$ 3.000,00 para os policiais sendo que tinha R$ 330,00 e se prontificou a ir até o banco para sacar o restante para completar o dinheiro para não ser preso.

Os policiais lhe deram voz de prisão pela Prática de Corrupção Ativa e na casa de referido cidadão foi apreendido ainda 84 bermudas falsas da marca Nike, 25 camisetas reservas, 14 camisetas marca oakley e 62 camisetas marca Quicksilver.


malandro2

Além de ser preso em flagrante por Corrupção Ativa, Contrabando e Descaminho, foi localizado e dado cumprimento a dois mandatos de prisão existentes em desfavor do mesmo sendo um deles da 7° Vara Criminal de Curitiba por: Associação Criminosa 288 CP, Falsidade Ideológica 299 CP, Estelionato 171 CP, Receptação 180 CP, Extorsão 158 CP, Falsificação de Documento Público 297 CP; e outro mandado do Juízo Único de Paraíso do Norte por: Prisão por Falta de Pagamento de Pensão Alimentícia.

Referido Cidadão vinha se passando por Coronel Lúcio ou Tenete Lúcio da PM. Os comerciantes que por ventura foram vítimas do mesmo, comparecer ao 13° DP para colaborar com as investigações. As mercadorias falsificadas mediante ofício, serão encaminhadas para o depósito da Receita Federal e o preso após exame junto ao IML será encaminhado para o 7° Distrito Policial.

O Delegado Chefe do 13° DP solicita que as pessoas de forma anônima, liguem para o telefone (041)33961471 e denunciem pessoas envolvidas na prática de crime na região do Tatuquara.
Colaborando assim no combate a criminalidade.

Familiares de presos protestam na frente do 11º Distrito Policial, na CIC

21 novembro, 2017 às 12:31  |  por Redação Bem Paraná
Rede News 24 Horas

Rede News 24 Horas

Uma manifestação na frente do 11º Distrito Policial complicou o trânsito na região da Cidade Industrial de Curitiba (CIC) na manhã desta terça (21). Familiares de detentos fecharam todas as ruas próxiimas. Eles protestam porque não pode visitar os presos e nem levar objetos pessoais para eles.

A Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária (Sesp) informou que na próxima segunda-feira (27) começa a instalação das celas modulares no distrito policial. Serão abertas mais 72 novas vagas que vai permitir tirar os detentos da carceragem do 11º DP.

Com a remoção dos detentos, as visitas serão normalizadas, assim como a entrega de objetos pessoais por parte dos familiares.

Gerente comandou assalto a cinema de shopping. Veja momento da prisão

21 novembro, 2017 às 11:50  |  por Redação Bem Paraná

 

 

O  gerente do Cinemark do Shopping Barigui foi o grande mentor do assalto ao local, que aconteceu na segunda-feira (21) pela manhã no local. Tudo foi esclarecido depois que o homem que fez o assalto foi preso ainda na segunda à tarde em Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A prisão foi feita por policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), os quais localizaram com o homem R$ 12.073,50 em dinheiro roubados do cinema. A polícia divulgou vídeo nesta terça co o momento em que o gerente foi preso.

Ele confessou o roubo no cinema do shopping e que o dinheiro era proveniente de lá, mas não informou sobre o restante do dinheiro, já que centro comercial registrou que havia sido roubado R$ 12.500,00. O homem também disse que o compadre dele, um dos gerentes do local, estaria envolvido. Segundo o delegado  Emmanoel David, da Furtos e Roubos, o assalto foi combinado em um churrasco no dia 15 de novembro, quando o gerente deu todas as dicas para o comparsa, indicando que entrar pelas docas seria mais sossegado. “Mas o amadorismo foi muito grande. O assaltante entrou pelas docas mas cadastrou o seu CPF e foi com a sua moto, o que facilitou demais a prisão dele”, comentou o delegado. “Desde o começo estranhamos porque o assaltante tinha muitas informações do local. Ele tinha informações privilegiadas”, explicou David. O delegado também salientou que o gerente foi um bom ator fingindo que tinha sido rendido pelo comparsa. “A direção do cinema disse inclusive que o gerente seria promovido nos próximos dias. Agora vai passar Natal e Ano Nova na prisão”.

Motociclista morre após colisão com carro no Sítio Cercado

21 novembro, 2017 às 09:59  |  por Redação Bem Paraná
Rede News 24 Horas

Rede News 24 Horas

Um motociclista morreu após colidir com um carro na manhã desta terça (21) na Rua Izaac Ferreira da Cruz, perto do cruzamento com a Rua Arapoti, no Sítio Cercado.

O corpo dele ainda está na pista. O trânsito é complicado na região.