Arquivos da categoria: Geral

concurso

Concurso literário para jovens sobre Ficção Histórica Brasileira

16 fevereiro, 2018 às 14:44  |  por Danielle Sommer

A Editora InVerso promove o Concurso InVerso de Ficção Histórica Brasileira 2018,  que objetiva publicar uma antologia com 14 contos ou crônicas de ficção histórica brasileira, escrito por 14 jovens estudantes de 14 a 18 anos de todo o Brasil e residentes no exterior.

O objetivo é instigar crianças e adolescentes a conhecer mais sobre as decisões históricas do país, tendo em vista que 2018 é um ano eleitoral, e que é importante conhecer e escolher quem serão os líderes (eleitos ou não) e, ainda, de como eles poderão mudar o país. Envolve também o estímulo da criatividade sobre resoluções políticas tomadas no passado e de projeções futuras de governanças nos âmbitos, municipal, estadual, regional e nacional.

O candidato deverá enviar um CONTO ou CRÔNICA INÉDITA, ou seja, que o conteúdo nunca tenha sido publicado, com até 8.400 caracteres para a Editora InVerso, de 14 de fevereiro a 10 de abril de 2018. Os vencedores serão conhecidos em 14 de abril.

Você conhece algum jovem criativo e com vontade de escrever uma ficção com um pedacinho da história do Brasil? Incentive! Mais informações em https://editorainverso.com.br/concurso2018/.

 

Os bordados da vovó e a sabedoria dos mais velhos

10 janeiro, 2018 às 15:16  |  por Danielle Sommer

capa_os_bordados_da_vovo

Um dos lançamentos do final de 2017 foi a obra infanto-juvenil Os bordados da vovó, da autora Nye Ribeiro, pela Editora do Brasil. É um mergulho nas relações familiares, com uma bela mensagem de respeito à experiência e à sabedoria dos mais velhos. Afinal, as avós têm sempre grandes lições a ensinar para seus netos. A vovó de Manuela é exatamente assim. Uma verdadeira artista do bordado, vó Cecília vai mostrar formas diferentes de bordar e dar pontos, mostrando que domina muito essa arte tão antiga. Junto com seus ensinamentos, muito afeto e amor transbordam nesse relacionamento cheio de carinho e de lições de vida. O livro está à venda por R$44,30.

(http://www.editoradobrasil.com.br/lojavirtual/)

Será que as crianças são pequenas ou grandes?

12 dezembro, 2017 às 12:08  |  por Danielle Sommer

alexandre menor

No livro Alexandre, pequeno ou grande?, há o dilema: Alexandre é um grande menino pequeno ou um pequeno menino grande? Tem horas que as crianças realmente não sabem o tamanho que têm. Em uma narrativa leve e descontraída, a professora Mestre Cassia H.G. Cavarsan discorre sobre essa questão, tantas vezes, acompanhada por ela dentro e fora das salas de aula.

A autora, que lança sua primeira obra, narra, em 36 páginas coloridas, a dificuldade das crianças para entender quando os adultos as chamam de pequenas ou de grandes. Se fazem tolices, são grandes. Se querem andar de skate pelas ruas, são pequenas. Afinal, como elas podem ser grandes e pequenas ao mesmo tempo? Essa é a pergunta do personagem Alexandre, que sempre está sendo perseguido por interrogações.

Aliás, falando em interrogações, o livro termina com o seguinte questionamento: E com você, já aconteceu isso de ficar mudando tanto de tamanho no mesmo dia? A ideia do livro é trazer à tona o comportamento dos adultos e mostrar, através de um olhar infantil, como os pais e professores tratam seus pequenos grandes homens e pequenas grandes mulheres.

A obra de Cassia H. G. Cavarsan, com ilustrações de Mariana L. Basqueira, é da Editora curitibana Ponto Vital, voltada para autores independentes. O livro, que tem o apoio cultural Criança na Plateia, será lançado no próximo dia 16 de dezembro, das 14 às 17 horas, na Casa Poppins – Rua Albano Reis, 170, Clube Urca, Ahu. Preço do exemplar: R$ 30,00.

Um prato, cinco cores e um livro bem saudável para as crianças

17 outubro, 2017 às 14:56  |  por Danielle Sommer

o prato

Neste sábado, dia 21 de outubro, o médico Tiago Gayer de Alencar lança seu primeiro livro infantil: O Prato de 5 cores, com ilustrações de Daphne Lambros. Será durante a XII Festa Cultural Literária da Editora InVerso, no Centro de Criatividade de Curitiba, das 14h às 17h: Rua Mateus Leme, 4700.

Com rimas e tendo como personagens um prato e alimentos, ensina os pequenos a comerem bem, de forma lúdica e colorida. “O livro traz o tema de forma divertida, estimulando as crianças a fazerem escolhas saudáveis na hora de montar o prato. Como dizia minha mãe, Betty, aos filhos e netos: Vamos colocar cor neste prato!”, conta o autor que teve como inspiração a frase repetida pela mãe.

Médico e pai de dois filhos, Tiago sabe como uma alimentação balanceada e saudável pode prevenir doenças e ajudar no desenvolvimento infantil. O livro tem a chancela da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica que apoia esta causa.

Cada exemplar terá o custo de R$ 35,00. No evento, quem levar leite em pó para doação ao Lar Dona Vera vai ganhar um brinde da Editora. Com certeza as crianças vão devorar esse prato, e ainda vai sobrar um espacinho para a sobremesa.

Aos 5 anos de idade, Augusto Klein lança livro de charadas

6 outubro, 2017 às 14:56  |  por Danielle Sommer

Augusto Klein

“Sabe o que é pior que um crocodilo doente? Uma raposa com dor de dente!”

O escritor mirim Augusto Klein, de apenas 5 anos, lança neste sábado (7), na livraria Arte & Letra (Al. Dom Pedro II, número 44 – Batel), das 15h às 17h, seu primeiro livro: “Sabe o que é pior?”, com rimas e charadas criadas por ele. A obra foi inicialmente viabilizada por meio de doações em um site de financiamento coletivo, que arrecadou os R$ 10 mil necessários para a publicação e depois ganhou a atenção de editoras do mercado literário.

O interesse de Augusto pela leitura e seu talento com as palavras despertaram a atenção de Deyse Campos, psicopedagoga da Interpares Educação Infantil, onde o menino estuda. “Um dia o Augusto chegou na escola e me disse que escreveu um livro. Conversando, entendi que o livro ainda não estava escrito, mas já existia na cabeça dele. Assim, naturalmente, o ajudei a colocar no papel o seu universo particular, com palavras, animais e charadas que ele gosta muito”, explica Deyse, que se tornou e coautora do livro. Daniel Klein, pai de Augusto, trabalha como ilustrador e logo começou a desenhar as primeiras páginas.

O financiamento viabilizou a publicação original, com 32 páginas, numa tiragem de 300 exemplares. Porém, o livro conquistou ainda a edição da Saber e Ler, que desenvolveu uma tiragem especial, de 3 mil exemplares, com 28 páginas cada. No sábado (7) a edição original será distribuída entre amigos e apoiadores e a versão da editora será lançada para venda (com valor de capa de R$ 35,40), após um bate-papo com os autores e sessão de autógrafos.

 

 

Dois chocolates para Joaquim

5 outubro, 2017 às 20:34  |  por Danielle Sommer

capa Dois Chocolates para Joaquim

Dúvidas, escolhas, contrários e muitos desenhos em aquarela. Assim é “Dois chocolates para Joaquim”, da escritora Cristiane Souza, com ilustrações de Marcelo Bittencourt. A obra, pela Editora Insight, será lançada neste domingo, 8 de outubro, às 11h, durante o Bazar Leite Quente, na Casa da Cultura Polônia Brasil – rua Ébano Pereira, 502 – pertinho da Feira do Largo. Na ocasião, o livro poderá ser adquirido pelo valor promocional de R$ 28,00. E, além da dedicatória, haverá uma surpresa só revelada durante a hora do autógrafo.

Este é o quarto livro infantil de Cristiane, que é jornalista e mãe do Arthur, do Anselmo, do Leonardo e da Mariana. “A ideia do livro nasceu de explorar o racismo, inspirada pela história de vida do meu pai e da sua experiência de construção de autoestima”, conta. No caminho para casa, um menino fica em dúvida entre a escolha de dois chocolates. Cansada, a mãe não se importa com a indecisão do menino e lhe permite a compra dos dois. Ainda assim, o menino continua na dúvida, e parte para uma série de reflexões sobre opostos, dúvidas e identidade. Ao final, a descoberta de que opostos talvez não sejam tão opostos assim e a construção de algumas verdades que contribuem para a autoestima e noção de mundo do menino.

Com 24 páginas, foi pensado para leitores que estão migrando de iniciantes para intermediário. Ou seja, já estão alfabetizados, mas ainda respondem melhor a livros que possuam uma ilustração chamativa. E você, quer um chocolate preto ou branco? Ou os dois?

 

O Peixe Asdrubal e muito rock na Feira do Livro da Escola Trilhas

22 setembro, 2017 às 15:30  |  por Danielle Sommer

livro-o-peixe-asdrubal-600x565

Neste sábado, dia 23, a partir das 8h, o artista Rogério Cordoni, cover de Elvis Presley, estará na Feira do Livro da Escola Trilhas, em Curitiba, quando serão apresentados os livros do Nananina. Um deles, o Peixe Asdrubal, é inspirado no Elvis. O Peixe Asdrúbal é um show! Ele está sempre disposto a cantar em qualquer lugar… Que tenha água, é claro! Enquanto ele está mergulhado nas águas, sua autoestima sempre está lá em cima! Para marcar o lançamento, Rogério Cordoni fará uma performance de Elvis na feira às 11h.

A noite chegou… e o sono não vem

15 setembro, 2017 às 15:36  |  por Danielle Sommer

Anoitechegou

             A noite chegou… e o sono não vem (ed. Franco, 12 p. R$ 26,00) é o mais novo livro da escritora Ana Rapha Nunes, que dedica-se à Literatura Infantojuvenil, com ilustrações de Paula Kranz.

O personagem principal da obra é um garoto de cinco anos, o Dudu, que tem dificuldades para dormir assim como outras crianças da sua idade.

A obra apresenta o universo infantil e a imaginação. Além disso, valoriza a importância das histórias antes de dormir, o que seria um primeiro contato das crianças com a Literatura.

A tarde de autógrafos será no dia 16 de setembro, na Livraria A Página, no shopping Cidade, das 15h às 17h, em Curitiba (PR).

 

Oficina infantil para escrever e produzir o próprio livro

21 agosto, 2017 às 22:20  |  por Danielle Sommer

oficinalivro

Crianças de 6 a 9 anos poderão participar de uma oficina muito criativa no próximo sábado, dia 26 de agosto, das 14h às 18h. A escritora Cristiane Souza promoverá a atividade na Casa Poppins para que as crianças escrevam e produzam o próprio livro, desde a escolha do assunto, texto, paginação, ilustrações, título e encadernação.

“Numa tarde bem divertida, iremos brincar com as palavras e aprender uma técnica de encadernação perfeita para crianças, artesanal e sem agulhas. Cada criança produzirá o seu próprio livro”, conta. A atividade é indicada para crianças de 6 a 9 anos de idade, mesmo que não estejam completamente alfabetizadas. As vagas são limitadas! Inscrições: R$ 120,00, com todo o material incluído. Há desconto de 10% para irmãos.

Cristiane Souza é autora de três livros infantis: Pinguinhos de Chuva e Qual é a cor de Saturno?, pela Inverso. E Pitangueiras, pela Litteris. Também é mãe do Arthur, do Anselmo, do Leonardo e da Mariana.

Inscrições: https://lojacasapoppins.lojaintegrada.com.br/oficina-de-livro-para-criancas-2608

“Silêncio de filha”: diário, amizade, paixão e carinho de mãe

11 agosto, 2017 às 23:35  |  por Danielle Sommer

silenciofilha

Com linguagem divertida e personagens cativantes, o escritor Jonas Ribeiro aborda a importância dos relacionamentos familiares por meio do livro “Silêncio de filha”, lançado em 2016 pela Editora do Brasil.

O escritor Jonas Ribeiro convida crianças e adultos a aprenderem de maneira lúdica a estreitar os relacionamentos familiares com a interação e bilhetes trocados entre uma mãe e uma filha. O livro tem uma gostosa leitura, como se estivéssemos folheando as páginas de um diário, ansiosos pelos acontecimentos que estão por vir.

A história relata como o olhar atento de uma mãe e os seus conselhos podem ajudar na formação do caráter e na felicidade dos filhos. O enredo da obra gira em torno de Juliana, uma menina que embora seja comunicativa, só consegue fazer certas confissões ao seu diário. Entre os temas, o desentendimento com uma amiga, solidariedade, a primeira paixão e muito mais!

Além do texto cativante, a obra recebe ilustrações alegres e originais de Flávio Fargas. Este mais recente sucesso de Jonas Ribeiro traz novamente a família de “Palavra de filho”, livro que aborda a relação entre o pai e o irmão de Juliana – cada qual comunicando-se à sua maneira.

capa silencio de filha