Prefeitura e Consórcio Metropolitano iniciam processo para implantação do Centro de Especialidades

4 outubro, 2017 às 08:04  |  por Mario Akira

Teve início na semana passada os encontros entre a Prefeitura de São José dos Pinhas, por meio da Secretaria de Saúde e o Consórcio Metropolitano de Saúde do Paraná (Comesp) para o alinhamento das ações de implantação do Centro de Especialidades do Paraná (CEP), que terá início no município no mês de janeiro de 2018. O tema principal da primeira reunião entre os técnicos de saúde foi a definição de protocolos de funcionamento e encaminhamento de pacientes do Município para o atendimento às especialidades e exames no CEP.

 

 

“O CEP é uma unidade ambulatorial de alta resolubilidade que ofertará, num mesmo espaço, consultas e exames especializados, bem como, atendimento com equipe multiprofissional aos usuários das Redes de Atenção à Saúde prioritárias: Rede Mãe Paranaense, Rede de Atenção à Saúde do Idoso, Rede de Atenção à Saúde Mental, Modelo de Atenção às Condições Crônicas (MACC) – Hipertensão e Diabetes. As consultas com especialistas serão possíveis apenas após avaliação básica em Unidades de Saúde Municipais, seguindo o Protocolo de Estratificação de Risco, conforme as Linhas de Cuidado da Secretaria de Estado da Saúde”, disse o secretário de Saúde de São José dos Pinhais, Giovani de Souza.

De acordo com a diretora geral da Comesp, Daniela França Cavalcanti, “o objetivo da reunião foi que definíssemos, junto com a equipe de São José dos Pinhais, todo o fluxo de atendimento ao início de uma sessão de reuniões, para que a gente trabalhe na efetivação do trabalho do CEP. Dentro desses serviços existem protocolos de atendimento, aonde eles são subdivididos nas três áreas de assistência: na Atenção Primária, Secundária e Terciária. O consórcio, junto ao trabalho a ser efetivado pelo Centro de Especialidade, corresponde pela Atenção Secundária. Assim, desenhamos nesse reunião todo o fluxo a ser implantado, como que seria a estratificação da Atenção Primária e o encaminhamento desses pacientes para a Atenção Secundária”.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>